Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Justiça do Chile reabre investigação sobre morte de Pablo Neruda, que pode ter sido envenenado

Poeta e ganhador do prêmio Nobel morreu em 1973, durante a ditadura militar chilena

Record News|

A Justiça do Chile revogou o encerramento do caso que investigava a morte do poeta Pablo Neruda. O vencedor do prêmio Nobel de literatura foi diagnosticado com câncer de próstata e morreu em 1973, 12 dias após Augusto Pinochet realizar o golpe de estado no Chile. Em 2011, um dos ex-motoristas do poeta disse que ele estava em fase terminal e poderia ter sido envenenado.   

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.