Rio de Janeiro “Cala a boca!”, diz mãe à criança que cantava durante tiroteio no Rio

“Cala a boca!”, diz mãe à criança que cantava durante tiroteio no Rio

Moradores registraram a invasão de traficantes rivais ao Complexo do São Carlos; madrugada de quinta-feira (27) foi de intenso tiroteio no local

  • Rio de Janeiro | Ana Beatriz Araújo, do R7*, com Record TV Rio

A madrugada de quinta-feira (27) foi marcada por intensos tiroteios no Complexo do São Carlos, na região central do Rio. Moradores registraram a invasão de traficantes ao local.

Moradores registraram a ação dos traficantes

Moradores registraram a ação dos traficantes

Reprodução/Record TV Rio

“Xi, cala a boca!”, diz uma mãe à criança que cantava durante o confronto entre bandidos de quadrilhas rivais. Ela estava dentro de casa e tentava proteger o filho.

O tiroteio assustou moradores e comerciantes que tiveram que fechar as portas mais cedo. Muitas pessoas não conseguiram voltar para casa e tiveram que se abrigar em quiosques.

“Foi tiro para todo lado, metralhadora, bomba... Tive que aguardar para poder ficar em segurança.”, afirmou o consultor financeiro Carlos Moreno, em entrevista à Record TV Rio.

Segundo a PM, o tiroteio começou na noite desta quarta-feira (26), após invasão de criminosos dos morros da Coroa e Fallet/Fogueteiro às comunidades do Catumbi, Querosene, Rio Comprido e São Carlos. Na ação, duas pessoas morreram e outras cinco ficaram feridas.

A polícia permanece no local e faz patrulhamento para reforçar a segurança. Além disso, agentes da 6ª DP (Cidade Nova) estão investigando os envolvidos na invasão.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas