Rio de Janeiro Família faz protesto após jovem morrer atingido por bala perdida no Rio de Janeiro

Família faz protesto após jovem morrer atingido por bala perdida no Rio de Janeiro

Uesclei da Silva foi ferido durante um confronto entre PMs e criminosos na comunidade do Tirol, na zona oeste

  • Rio de Janeiro | Do R7, com Record TV Rio

Família fez protesto após morte de Uesclei da Silva Estácio

Família fez protesto após morte de Uesclei da Silva Estácio

Record TV Rio

A família de Uesclei da Silva Estácio fez um protesto, nesta segunda-feira (6), após a morte do jovem, que foi atingido por uma bala perdida durante um confronto entre PMs e criminosos na comunidade do Tirol, na Freguesia, zona oeste do Rio.

Na noite de domingo (5), Uesclei estava a caminho de casa, depois de ter visto filmes na residência da irmã, quando começou o tiroteio. Segundo familiares, ele ainda tentou se proteger atrás de alguns carros, mas acabou ferido.

Em entrevista à Record TV Rio, os parentes disseram que o socorro para Uesclei demorou cerca de 40 minutos. Ele foi levado por moradores em estado grave ao Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, e transferido para o Miguel Couto, na Gávea, onde morreu.

A Polícia Militar informou que agentes do 18º BPM (Jacarepaguá) foram atacados a tiros em uma área de mata na comunidade. Ainda de acordo com a corporação, houve confronto. A equipe solicitou o apoio do Recom (Batalhão de Rondas Especiais) para estabilizar a região. 

Últimas