Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Feriados de abril aumentam arrecadação do ISS Turismo no Rio

Total estimado é 15% superior ao de 2019; turismo pode fechar o mês de abril com arrecadação de R$ 16,6 milhões

Rio de Janeiro|Da Agência Brasil

Mês representa 8,9% de toda arrecadação do ISS Turismo
Mês representa 8,9% de toda arrecadação do ISS Turismo Mês representa 8,9% de toda arrecadação do ISS Turismo

O Imposto sobre ISS (Serviços de Qualquer Natureza) de turismo pode fechar o mês de abril com arrecadação de R$ 16,6 milhões no município do Rio de Janeiro. A estimativa da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação e da Riotur (Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro) é baseada no número de feriados do mês: a Sexta-Feira da Paixão (7) e o Dia de Tiradentes (21), que são nacionais, e o feriado estadual no dia 23.

Pelos cálculos da secretaria e da Riotur, o total estimado é 15% superior à arrecadação obtida em 2019, último ano antes da pandemia de covid-19. O estudo especial Economia do Turismo no Rio, desenvolvido pela secretaria, indica que o mês é importante para a economia do município e representa 8,9% de toda a arrecadação do ISS Turismo ao longo do ano.

“A vinda de turistas para o Rio tem um impacto incrível na economia. Falamos aqui de quase R$ 17 milhões só em abril com arrecadação de ISS. Isso representa quase 10% da arrecadação do ano de ISS dos turistas. O Rio de Janeiro já tem uma geografia que ajuda muito essa atração, e a Riotur tem feito um papel de potencializar e de ajudar a divulgar as coisas que acontecem no Rio de Janeiro”, disse o presidente da empresa, Ronnie Costa, à Agência Brasil.

Os dados indicam que, em abril de 2019, o Rio arrecadou R$ 14,4 milhões com impostos ligados ao turismo. O valor caiu nos dois anos seguintes, quando a economia sofreu os impactos da pandemia, principalmente no setor de turismo. Em 2020, a arrecadação atingiu R$ 7,2 milhões e, em 2021, ficou em R$ 5,5 milhões, volumes bem mais baixos que o estimado para este ano.

Publicidade

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação, Chicão Bulhões, além dos turistas estrangeiros e nacionais, os próprios moradores da cidade ajudam a movimentar a economia nos feriados, que são períodos importantes para o Rio, que recebe milhares de turistas brasileiros e estrangeiros. Além disso, os feriados oferecem ao carioca oportunidade de circular um pouco mais pela cidade, diz nota da secretaria. “Tudo isso ajuda a movimentar a economia da nossa cidade, que tem forte vocação no turismo”, acrescenta o texto.

No ano passado, a situação foi diferente. Com a incidência da covid-19 mais controlada, houve carnaval fora de época, com a transferência dos desfiles das escolas de samba para abril. Dados coletados na Passarela do Samba, para a publicação Carnaval de Dados, elaborada pela secretaria, em parceria com a Fundação João Goulart e a Riotur, mostraram que o perfil do público dos desfiles era composto na maioria por brasileiros. Entre eles, 68,8% de moradores da região metropolitana do Rio de Janeiro, 25,4% de turistas nacionais e 5,8% de turistas estrangeiros.

Publicidade

Atrações no ano inteiro

Para Ronnie Costa, os feriados são fundamentais para manter a cadeia do turismo ativa. Por isso, a Riotur tem trabalhado ativamente na divulgação da cidade com foco nesses períodos, apresentando a programação, as ofertas e buscando atrair os turistas que estão nas cidades e estados próximos. Segundo Costa, os visitantes mais assíduos são do interior de São Paulo

“Passados o réveillon e o carnaval, o Rio de Janeiro continua pujante, graças a Deus. Primeiro ano de retomada pós-pandemia, e a Riotur está muito feliz em poder contribuir para que as pessoas continuem vindo, frequentando e visitando o Rio de Janeiro”, afirmou Ronnie Costa.

O presidente da Riotur destacou que a cidade tem atrações e atividades no ano inteiro, não é só na época do carnaval e do réveillon. “A cidade tem muitos eventos e muitos atrativos e, através da prefeitura e da Riotur, estamos ajudando a mostrar que o Rio de Janeiro continua o ano inteiro preparado para receber todos os turistas.”

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.