Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Polícia Federal e Ibama apreendem 30 aves mantidas em cativeiro no Rio de Janeiro; homem foi preso

Aves exóticas, em extinção e de grande porte foram encontradas em Cascadura, na zona norte da capital

Rio de Janeiro|Bernardo Pinho*, do R7

Ação da PF contou com o apoio do Ibama
Ação da PF contou com o apoio do Ibama Ação da PF contou com o apoio do Ibama

Um homem foi preso e 30 aves foram apreendidas, na manhã desta sexta-feira (1º), em uma operação da Polícia Federal e do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) contra crimes ambientais em Cascadura, na zona norte do Rio de janeiro.

De acordo com a PF, os animais foram comprados ilegalmente e eram mantidos em cativeiro.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu Whatsapp

Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

Publicidade

Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Assine a newsletter R7 em Ponto

Publicidade

O homem responsável pelo local tentou enganar os agentes e apresentou documentos falsos, mas acabou preso. Ele vai responder pelos crimes de receptação, uso de documento falso, maus-tratos e por manter animais silvestres sem autorização.

No cativeiro, foram apreendidas aves que estavam ameaçadas de extinção e aves exóticas, como loris, ring neck e rosela. Outras espécies encontradas foram: tucano toco, arara-vermelha grande, arara-canindé, araracanga, papagaio-verdadeiro, jandaia e periquito-maracanã.

Publicidade

Em nota, a Polícia Federal informou que os animais foram levados para o Cetas/Ibama. O homem foi encaminhado ao sistema prisional do estado, onde passará por audiência de custódia.

*Sob a supervisão de Bruna Oliveira

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.