Publicidade

Cabeleireira morta ao lado da filha já teria sido agredida por namorado e o chamava de psicopata

Segundo relato de amiga à polícia, Sandra Maria Souza da Silva, de 34 anos, comentava o comportamento violento do suspeito

São Paulo|Do R7, com informações da Record TV

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.