São Paulo Suspeito de querer matar irmão mais novo é morto por vizinha policial na zona norte de SP

Suspeito de querer matar irmão mais novo é morto por vizinha policial na zona norte de SP

Transtornado, o homem tentou arrombar a porta da casa da agente, que abrigava o menino; o agressor foi baleado no abdômen

  • São Paulo | André Carvalho, da Agência Record

Reprodução/ Google Street View

Uma policial militar matou, no fim da madrugada desta quarta-feira (6), um suspeito de querer matar o próprio irmão, no bairro de Tremembé, na zona norte de São Paulo.

A agente Bruna Rodrigues estava dormindo quando acordou com o barulho de algo se quebrando no imóvel vizinho.

A mulher percebeu que a confusão envolvia uma criança e pediu que ela entrasse em sua casa. Nesse momento, segundo a policial, um homem, transtornado, surgiu dizendo que queria matar o menino.

De acordo com a criança, Alexandre Garcia Cavalcanti era seu irmão mais velho e não morava com a família. Ainda segundo a vítima, eles estavam sozinhos na casa quando houve uma discussão.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

Bruna se identificou como policial militar e pediu ao agressor que fosse embora, mas o suspeito continuou tentando arrombar a porta da residência da agente.

A policial efetuou um disparo em direção à porta, e o tiro acertou o abdômen do homem, que caiu no terreno.

A polícia e o atendimento médico foram acionados. O homem foi socorrido e encaminhado a uma unidade de pronto-atendimento do Jaçanã, mas não resistiu.

O caso foi registrado no plantão do 13º Distrito Policial, da Casa Verde, como homicídio em decorrência de intervenção policial. 

Veja mais: Richthofen, Matsunaga e Nardoni: veja como estão locais onde ocorreram crimes famosos em SP

Últimas