Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

OMS descarta impacto 'significativo' na Europa da onda de Covid na China

Organização da saúde pediu que líderes tomem medidas proporcionais e não discriminatórias em relação aos viajantes chineses

Saúde|Do R7

Fim da política Covid zero é apontada como causa de nova onda na China
Fim da política Covid zero é apontada como causa de nova onda na China Fim da política Covid zero é apontada como causa de nova onda na China

O atual surto de casos de Covid-19 na China não deverá ter um impacto “significativo” na Europa, uma vez que as variantes que circulam no gigante asiático já estão presentes no Velho Continente — afirmou a OMS (Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta terça-feira (10).

O aumento de casos na China "não deve ter um impacto significativo na situação epidemiológica da Covid-19 na região europeia", disse o diretor regional da OMS, Hans Kluge, em uma entrevista coletiva on-line. 

Nesse contexto, Kluge pediu aos países europeus que tomem medidas "proporcionais e não discriminatórias" em relação aos viajantes procedentes da China.

A onda de infectados com o coronavírus no país mais populoso do mundo acontece desde a liberação total da política Covid zero que estava implementada desde o começo da pandemia. 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.