Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Vacina bivalente é aplicada em mais de 4,1 milhões de pessoas

Imunizante é oferecido a idosos com mais de 70 anos

Saúde|Da Agência Brasil

Vacinação bivalente é oferecida a grupos prioritários desde o fim de fevereiro
Vacinação bivalente é oferecida a grupos prioritários desde o fim de fevereiro Vacinação bivalente é oferecida a grupos prioritários desde o fim de fevereiro

Mais de 4,1 milhões de brasileiros já foram aos postos de saúde para tomar a dose de reforço com as vacinas bivalentes contra a Covid-19, é o que informa o último balanço do Ministério da Saúde.

As informações foram encaminhadas para o LocalizaSUS, que concentra dados enviados por estados e municípios, desde o dia 27 de fevereiro, quando foi lançado o Movimento Nacional de Vacinação. O LocalizaSUS é uma plataforma de dados estratégicos de saúde distribuídos em diversos painéis que auxilia na elaboração de análises contextuais utilizadas na formulação de políticas públicas e na avaliação de intervenções específicas na área da saúde.

Leia também

O imunizante já estava disponível para idosos com mais de 70 anos, pessoas imunocomprometidas, funcionários e pessoas que vivem em instituições de longa permanência, além de indígenas, ribeirinhos e quilombolas. Esse público corre maior risco de desenvolver formas graves da doença.

Avanço na vacinação

A vacinação também avança entre os povos e comunidades tradicionais, que receberam quase 37 mil doses, e os povos indígenas, com quase 16 mil doses do medicamento.

Publicidade

Agora, grupos prioritários que não estavam contemplados devem ser chamados por estados e municípios para receber o reforço do imunizante.

Todas as vacinas contra a Covid-19 oferecidas pelo SUS (Sistema Único de Saúde) são comprovadamente seguras e protegem contra formas graves da doença, que já matou quase 700 mil pessoas no Brasil desde o início da pandemia, em 2020.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.