Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Lula janta com Pacheco e PT oficializa apoio à reeleição no Senado

Presidente da República se reuniu com o atual presidente da Casa, que busca a reeleição contra Rogério Marinho

Brasília|Do R7, em Brasília

Jaques Wagner, Rodrigo Pacheco, presidente Lula e Alexandre Padilha
Jaques Wagner, Rodrigo Pacheco, presidente Lula e Alexandre Padilha Jaques Wagner, Rodrigo Pacheco, presidente Lula e Alexandre Padilha

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) jantou, nesta quinta-feira (26), com o presidente do Senado e candidato à reeleição da Casa, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). O encontro não constava da agenda oficial do petista e durou quase três horas.

Acompanhado do ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT), e do líder do governo no Senado, Jaques Wagner (PT), o presidente ratificou o apoio do partido à reeleição de Pacheco. Mais cedo nesta quinta-feira (26), o PT oficializou o apoio à candidatura de Pacheco. Até o momento, o presidente do Senado soma apoio de sete partidos: PSD, PT, Rede, Cidadania, PSB, PROS e PDT.

A seis dias da eleição para a Mesa Diretora do Senado Federal, o senador busca votos para derrotar o senador Rogério Marinho (PL-RN), que foi ministro do Desenvolvimento Regional do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

Na última quarta-feira (25), os partidos Republicanos, PP e PL anunciaram a formação de bloco no Senado Federal para apoiar a candidatura de Marinho. O acordo será formalizado em encontro na sede do PL em Brasília no próximo sábado (28).

Publicidade

De acordo com o PL, o presidente do partido, Valdemar Costa Neto, se reuniu com o presidente do Republicanos, Marcos Pereira, com a senadora eleita e futura líder do PP, Tereza Cristina, e com Marinho para decidir sobre a formação de apoio.

"O bloco PL/PP/Republicanos dá musculatura política a Rogério Marinho, que deseja resgatar a independência e o protagonismo do Senado Federal, se eleito", diz trecho da nota. Valdemar Costa Neto articulava nos bastidores o apoio do Republicanos e do PP a Marinho junto com o PL.

Publicidade

Eleição na Câmara dos Deputados

Na semana passada, antes de viajar à Argentina para participar da Cúpula dos Estados Latino-americanos e Caribenhos (Celac), Lula também teve um encontro a portas fechadas com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

Enquanto Lula se reunia, nesta quinta, com o presidente do Senado, integrantes do PT e do governo, como o ministro do Trabalho, Luiz Marinho, e a deputada Maria do Rosário (RS), jantavam na residência oficial da Câmara com Lira. Ficou definido ali que Maria do Rosário terá uma vaga na Mesa Diretora da Câmara, ainda a ser definida.

* Com informações da Agência Senado

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.