Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Brasília
Publicidade

Rogério Rosso é indicado para diretoria da Adasa no DF

Definição para mandato de cinco anos ainda precisa ser aprovada pela Câmara Legislativa

Brasília|Ana Isabel Mansur, Do R7, em Brasília

Ex-governador e ex-deputado federal Rogério Rosso (PP)
Ex-governador e ex-deputado federal Rogério Rosso (PP) Ex-governador e ex-deputado federal Rogério Rosso (PP)

O governador Ibaneis Rocha (MDB) indicou Rogério Rosso (PP) para a diretoria colegiada da Agência Reguladora de Águas e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa), formada por quatro integrantes. Para assumir a função, o ex-deputado federal precisa ser sabatinado e aprovado pela Câmara Legislativa do DF (CLDF).

Rosso — que foi governador da capital do país entre 2010 e 2011, eleito pela CLDF após a prisão do então ocupante do Palácio do Buriti, José Roberto Arruda — confirmou a informação ao R7.

"Recebi o convite do governador na quarta-feira à noite. Me sinto muito honrado por poder contribuir para a agência e seus servidores", agradeceu. Ibaneis Rocha também confirmou a indicação ao R7

O ex-deputado federal é do mesmo partido que a vice-governadora eleita, Celina Leão (PP). Ele foi indicado para substituir o diretor Jorge Enoch Furquim Werneck, cujo período na função termina em 29 de novembro. O mandato na diretoria colegiada da Adasa é de cinco anos. O atual diretor-presidente da agência é Raimundo Ribeiro. 

Publicidade

Aos 54 anos, Rosso é brasiliense e advogado. Ele foi candidato a deputado federal nas eleições deste ano, conquistou 14.210 votos, mas não conseguiu se eleger.

Para assumir o cargo na Adasa, o ex-governador precisa ser sabatinado pela Comissão de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Ciência, Tecnologia, Meio Ambiente e Turismo (CDESCTMAT) da CLDF e ser aprovado pelos distritais em plenário. 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.