Cidades Viaturas pintadas de lilás serão usadas em casos de violência contra a mulher no Piauí

Viaturas pintadas de lilás serão usadas em casos de violência contra a mulher no Piauí

Objetivo é trazer uma identificação visual e um atendimento humanizado às vítimas, segundo o governo do estado

  • Cidades | Do R7

Entrega aconteceu no Centro de Educação Profissional da Polícia Militar do Piauí

Entrega aconteceu no Centro de Educação Profissional da Polícia Militar do Piauí

Divulgação/ Governo do Piauí

A Sempi (Secretaria de Estado das Mulheres do Piauí), a SSP (Secretaria de Segurança Pública) e a Secretaria de Estado das Relações Sociais entregaram viaturas pintadas na cor lilás à Patrulha Maria da Penha. A entrega aconteceu no Centro de Educação Profissional da Polícia Militar do Piauí, em Teresina, na última sexta-feira (10). 

O objetivo, além de ter uma identificação visual diferenciada, é que as mulheres vítimas de violência doméstica tenham um atendimento humanizado e eficaz, de acordo com o Governo do Estado do Piauí.

A Patrulha Maria da Penha consiste na realização de visitas periódicas, pela Polícia Militar, à residência de mulheres em situação de violência doméstica e familiar, para verificar o cumprimento das medidas protetivas de urgência do art. 22 e também para reprimir eventuais atos de violência.

A comandante da Patrulha Maria da Penha da PMPI, a capitã Leoneide, afirma que quando a viatura passa nas ruas com uma cor lilás chama atenção e faz com que “mulheres busquem ajuda na rede de proteção”.

Segundo um levantamento feito pela Rede de Observatórios de Segurança, em 2022 o Piauí registrou 75 casos de violência contra a mulher entre o mês de agosto de 2021 e janeiro de 2022. O número mostra que, em média, a cada 72 horas, uma mulher é violentada no estado.

O secretário de Segurança, Chico Lucas, destacou que essa é uma das estratégias do protocolo de combate à violência contra a mulher. "O agressor que não respeitar o corpo feminino, que não respeitar a vontade feminina, ele vai ser conduzido na viatura lilás por mulheres para aprender a respeitar a vontade feminina, o direto das mulheres. Então, a viatura lilás é para dar visibilidade e mostrar que as mulheres têm, sim, o apoio na proteção à sua integridade”, afirmou o secretário.

A diretora de Enfrentamento ao Feminicídio da Sempi, Ana Cleide, afirma que a entrega das viaturas lilases faz parte do serviço completo da rede, visto que a Patrulha Maria da Penha tem a função de monitorar as medidas protetivas e garantir a segurança da mulher.

Atualmente, a Sempi coordena a campanha de Carnaval “Só se eu quiser. #NãoéNão”, em parceria com a Secretaria de Segurança, e as viaturas contribuirão para coibir a violência também durante o Carnaval.

Últimas