Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Hora 7
Publicidade

Filho encontra tesouro da família com mapa deixado pelo pai, refugiado da Segunda Guerra

Itens de prata são avaliados em milhares de dólares. No entanto, serão doados para museu de cidade na Ucrânia

Hora 7|Do R7

Filho encontrou tesouso da família com mapa deixado pelo pai, refugiado da Segunda Guerra
Filho encontrou tesouso da família com mapa deixado pelo pai, refugiado da Segunda Guerra Filho encontrou tesouso da família com mapa deixado pelo pai, refugiado da Segunda Guerra

Em setembro de 1939, o lado oeste da Polônia foi invadido pela Alemanha nazista, e algumas semanas depois a União Soviética fez o mesmo pela fronteira oposta. Antes da chegada das forças de Stalin à cidade de Lviv (hoje na atual Ucrânia), a família Glazewski enterrou a prataria da casa e fugiu. Com exceção do patriarca, Adam, que tentou enfrentar os invasores, mas acabou expulso e quase foi executado.

O chefe da família tinha quatro filhos, que, após deixarem a propriedade, se estabeleceram em diversas partes do mundo e nunca mais retornaram ao local.

No entanto, em 1989, um dos netos de Adam, o acadêmico aposentado Jan Glazewski, pediu ao pai que desenhasse um mapa que lhe apontasse onde o tesouro da família estava enterrado. A solicitação foi atendida, mas o autor das orientações morreu dois anos depois.

Vale o clique! Limpador de esgoto e tratador de elefante: esses são os piores empregos do mundo

Publicidade

Com o mapa em mãos, Jan levou mais de uma década para viajar a Lviv pela primeira vez, em busca dos pertences. "Foi uma agulha no palheiro", avaliou o neto do patriarca, conforme reportado pelo tabloide Daily Star. Isso porque grande parte das estruturas originais foi destruída no decorrer da guerra ou cedeu com o passar dos anos.

Leia também

Ainda assim, a ajuda de uma sobrinha e o uso detectores de metais ucranianos deram resultado. Alguns dos itens encontrados foram embalados pela própria mãe de Jan, que faleceu quando ele tinha apenas 7 anos de idade: "Fiquei muito, muito emocionado", admitiu.

Publicidade

Ele foi informado de que o achado valeria milhares de dólares. Mas, para Jan, o tesouro não tem preço. O ex-acadêmico agora trabalha para que os itens sejam exibidos em um museu de Ivano-Frankivsk, cidade vizinha de Lviv. "É a realização de um sonho em vida", avaliou Jan, "desde pequeno, queria encontrar o tesouro."

Já um abrigo secreto da Segunda Guerra Mundial foi descoberto em uma escola. Confira abaixo!

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.