Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Cachorro morde carteiro, e moradores estão há meses sem receber correspondência

Funcionário do serviço postal nacional do Reino Unido foi atacado pelo animal em rua de Liverpool, no dia 10 de setembro de 2022

Internacional|Do R7

Cachorro morde carteiro, e moradores da rua acima não recebem correspondência há meses
Cachorro morde carteiro, e moradores da rua acima não recebem correspondência há meses Cachorro morde carteiro, e moradores da rua acima não recebem correspondência há meses

Um carteiro do serviço postal nacional do Reino Unido foi perseguido e mordido por um cachorro enquanto trabalhava em uma rua da cidade de Liverpool, conhecida como Ash Vale (na foto acima). O incidente ocorreu no dia 10 de setembro de 2022, e desde então nenhum morador do local recebeu correspondência.

De acordo com o Liverpool Echo, as autoridades confirmam a suspensão do serviço, que só será retomado quando for "considerado seguro".

Aproximadamente, 25 propriedades ao longo da via foram impactadas com a medida. Em entrevista à publicação, um residente com 70 anos revelou que não recebeu nem o resultado do teste para câncer que realizou.

Vale o clique: 'Tsunâmi branco': 2 toneladas de cocaína chegam misteriosamente às praias da França

Continua após a publicidade

Outro morador explicou que só é possível pegar alguma correpondência indo até o escritório de triagem dos correios. "Vejo regularmente carteiros passarem pelo mesmo local onde aconteceu o incidente com o cachorro", contou, "se eles podem fazer isso, certamente conseguem entregar em nossos endereços."

Leia também

A vereadora e conselheira local, Nathalie Nicholas, disse ter questionado oficialmente o serviço postal sobre o problema, em nome dos residentes da rua. Até o momento, ela não obteve nenhuma "resposta satisfatória".

Continua após a publicidade

Por sua vez, um porta-voz do Royal Mail (correio local) declarou: "Nossa primeira prioridade como empregador é garantir o bem-estar e a segurança dos carteiros que prestam um serviço valioso aos nossos clientes em todo o Reino Unido, e fazemos tudo o que podemos para mantê-los a salvo de ataques de cães. Estamos em contato com a polícia regularmente, que nos mantém atualizados", informou. "No entanto, o cachorro que reside em uma propriedade na área ainda representa um sério risco para nossos colegas. Portanto, a suspensão permanecerá em vigor até que seja considerado seguro retomar as entregas nos endereços afetados", pontua.

Já uma múmia de mais de 600 anos foi encontrada em bolsa térmica de um entregador. Confira abaixo!

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.