Guerra Israel x Hamas

Internacional Quatro familiares de jornalista morrem no Líbano após bombardeio israelense

Quatro familiares de jornalista morrem no Líbano após bombardeio israelense

Profissional da imprensa perdeu a irmã e os três netos da mulher, de 14, 12 e 10 anos; ele ficou ferido

AFP
Resumindo a Notícia
  • Um jornalista perdeu quatro familiares no Líbano após um bombardeio israelense.

  • Vítimas são a irmã do profissional e os três netos da mulher, de 14, 12 e 10 anos.

  • O jornalista estava ao volante de seu carro e seus familiares o seguiam em outro veículo.

Projétil israelense cai no sul do Líbano

Projétil israelense cai no sul do Líbano

AFP - 05.11.2023

Quatro familiares de um jornalista foram mortos neste domingo (5) após um bombardeio israelense no sul do Líbano, informou a agência oficial de notícias NNA, que acrescentou que o repórter está ferido.

Segundo a agência, as quatro vítimas são a irmã do jornalista Samir Ayoub e os três netos da mulher, de 14, 12 e 10 anos. O jornalista estava ao volante de seu carro e seus familiares o seguiam em outro veículo.

A zona fronteiriça entre o Líbano e Israel tem sido palco de frequentes trocas de tiros entre o Exército israelense e o movimento libanês Hezbollah desde o início da guerra entre Israel e o Hamas, desencadeada em 7 de outubro pelo sangrento ataque do movimento islâmico palestiniano a solo israelense.

Em 13 de outubro, um jornalista da Reuters, Issam Abdallah, foi morto e seis outras pessoas, incluindo duas da AFP, ficaram feridas no sul do Líbano. As autoridades libanesas culparam Israel.

Desde 7 de outubro, 81 pessoas foram mortas em território libanês, segundo uma contagem da AFP, incluindo 59 combatentes do Hezbollah e pelo menos 11 civis. Seis soldados e um civil foram mortos do lado israelense, segundo as autoridades.

Últimas