Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Terrorismo do sushi: três jovens são detidos no Japão por porquice em restaurante

Adolescentes se filmam mexendo nos pratos de comida em esteiras rolantes e lambendo copos para postar nas redes sociais

Internacional|Do R7

Restaurantes foram obrigados a fazer limpeza de emergência nos estabelecimentos
Restaurantes foram obrigados a fazer limpeza de emergência nos estabelecimentos Restaurantes foram obrigados a fazer limpeza de emergência nos estabelecimentos (Repodução/Twitter)

Três pessoas foram detidas no Japão por uma série de brincadeiras anti-higiênicas em restaurantes com esteiras giratórias de sushi, uma questão que provocou indignação nas redes sociais.

A polícia acusou os três jovens de "obstrução de negócios" contra um grande restaurante da rede Kura Sushi, que recebeu muitas queixas de clientes depois que os vídeos com as ações anti-higiênicas viralizaram na internet.

Um vídeo mostra um integrante do trio tirando um pedaço de sushi de um prato e colocando inteiro na boca, antes de beber molho de soja diretamente da garrafa dividida pelos clientes.

Vídeos similares gravados em vários restaurantes foram divulgados no mês passado em redes sociais como Twitter e TikTok, ações que foram chamadas de "terrorismo do sushi".

Publicidade

Em um dos vídeos, um jovem lambe uma garrafa de molho de soja e a borda de um copo e depois os coloca de volta na esteira giratória.

Um porta-voz da polícia afirmou à AFP nesta quinta-feira (9) que três pessoas foram detidas na região de Aichi: uma adolescente de 15 anos e dois jovens de 21 e 19.

Publicidade

A ação dos jovens obrigou os funcionários do Kura Sushi a realizar uma limpeza de emergência, o que dificultou a operação normal do restaurante, segundo o policial.

Leia também

As detenções são as primeiras do caso, que provocou indignação no Japão, um país conhecido por seus rígidos padrões de higiene e limpeza.

Publicidade

Embora nenhuma acusação tenha sido apresentada oficialmente, "a obstrução de negócios" pode resultar em penas de até três anos de prisão no Japão.

A empresa que administra a rede Kura Sushi, com quase 500 estabelecimentos no Japão, elogiou as detenções e acredita que servirão para dissuadir imitadores no futuro.

Boeing 737 vira hotel de luxo na Indonésia com diária de R$ 36 mil

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.