Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

BYD testa rival do Kwid E-Tech nas ruas da China

Hatchback elétrico deve ser equipado com motor de 74 cv

Autos Carros|Do R7 e Marcos Camargo Jr.

Autonomia do hatchback eletrificado não foi revelada
Autonomia do hatchback eletrificado não foi revelada Autonomia do hatchback eletrificado não foi revelada

Depois de ter imagens divulgadas pelo governo chinês, o BYD Seagull foi flagrado andando pelas ruas da China, onde deve ser lançado ainda neste ano. Ainda não há informações se a marca pretende vender o carro elétrico no Brasil, mas caso isso aconteça, será rival direto do Renault Kwid E-Tech, Caoa Chery eQ1 e JAC e-JS1. O hatchback elétrico vem equipado com motor de 74 cv. 

BYD Seagull mede 3,78 metros de comprimento e 2,50 metros de entre-eixos
BYD Seagull mede 3,78 metros de comprimento e 2,50 metros de entre-eixos BYD Seagull mede 3,78 metros de comprimento e 2,50 metros de entre-eixos

Em relação ao visual, o BYD Seagull conta com pequenos faróis e uma ampla entrada de ar dianteira. Já a traseira é elevada e tem um elemento em preto na coluna "C", que é parecido com o Chevrolet Bolt, já vendido no Brasil. Ainda não há fotos do interior do veículo. 

Traseira é elevada e tem um elemento em preto na coluna "C"
Traseira é elevada e tem um elemento em preto na coluna "C" Traseira é elevada e tem um elemento em preto na coluna "C"

O BYD Seagull mede 3,78 metros de comprimento, 2,50 metros de entre-eixos, 1,54 metro de altura e 1,71 metro de largura. As rodas podem ser de 15 ou 16 polegadas calçadas com pneus 165/65 ou 175/55. 

KWID ELÉTRICO VALE A PENA PARA UBER? Quanto custa carregar um Kwid elétrico em casa? E a manutenção? Veja o vídeo!

Publicidade

O BYD Seagull deve ser equipado com propulsor elétrico de 74 cv e terá bateria LFP fabricada pela FinDreams, que pertence a BYD. A autonomia do hatchback eletrificado não foi revelada. As imagens foram divulgadas pelo site chinês AutoHome.

*Com a colaboração Felipe Salomão

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.