Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Teste: Royal Enfield Classic 350 é fiel ao estilo antigo 

Cruiser urbana traz visual e estilo tradicional de pilotagem por R$ 21,4 mil

Autos Carros|Marcos Camargo Jr. e Marcos Camargo Jr.

Piloto fica a 805mm de altura do solo
Piloto fica a 805mm de altura do solo Piloto fica a 805mm de altura do solo

A Royal Enfield vem investindo no mercado brasileiro e fruto destes novos tempos a marca que já tem 20 concessionários pelo país lançou ano passado a Classic 350. O R7-Autos Carros avaliou a moto ao estilo antigo da marca ao longo de uma semana.

ROYAL ENFIELD CLASSIC 350 2023: melhor que a Meteor? Quais as diferenças? Motor design ficha técnica. Veja o vídeo!

Vale lembrar que a Classic 350 não tem qualquer relação com a antiga “Classic”. Essa motocicleta classificada como Cruiser pela marca faz parte da plataforma J lançada ano passado. O perfil é idêntico a uma moto antiga e não é só pelos cromados e tom marrom e laranja da pintura do tanque com o emblema clássico da marca inglesa hoje sob domínio indiano.

Pneus são da marca Ceat com aro 19 na dianteira 100/90 e 120/80 18 na traseira
Pneus são da marca Ceat com aro 19 na dianteira 100/90 e 120/80 18 na traseira Pneus são da marca Ceat com aro 19 na dianteira 100/90 e 120/80 18 na traseira

Farol único e redondo, para-lamas cromados, escapamento cromado e longilíneo, banco reto e painel analógico remetem às motos de sessenta anos atrás. Mas essa é uma boa notícia para os puristas uma vez que todo esse projeto é novo.

Publicidade
Motor é monocilíndrico de 350cc com 20cv e 2,7kgfm de torque
Motor é monocilíndrico de 350cc com 20cv e 2,7kgfm de torque Motor é monocilíndrico de 350cc com 20cv e 2,7kgfm de torque

O motor é monocilíndrico de 350cc com 20cv e 2,7kgfm de torque e transmissão de cinco velocidades. Os freios e o câmbio têm acionamento suave e as respostas do motor são feitas para um uso tranquilo e sem pressa. Não que a Classic não seja uma moto de viagem. Mas é preciso entender seu propósito. Há falta de fôlego em rotações médias e para viagens ela ficará limitada a cerca de 120km/h.

Vale lembrar que a Classic 350 não tem qualquer relação com a antiga “Classic”
Vale lembrar que a Classic 350 não tem qualquer relação com a antiga “Classic” Vale lembrar que a Classic 350 não tem qualquer relação com a antiga “Classic”

O painel é analógico é essencial com velocímetro pequeno, hodômetro digital com indicação “Eco” que parece baseado no acelerador eletrônico. Ao aliviar o manete se nota que a indicação aparece no diminuto mostrador. Além disso os retrovisores vibram um pouco, mas tudo dentro do esperado para uma moto clássica.

Publicidade

ROYAL ENFIELD METEOR 350: uma Cruiser por menos R$ 20 mil VALE A PENA? Veja o vídeo!

Os freios são do tipo ABS com 300mm de disco dianteiro onde está o garfo duplo com 130mm de curso enquanto a traseira tem 80mm e duplo amortecimento traseiro. Há trava de guidão com a chave codificada posicionada à esquerda do painel. O piloto fica a 805mm de altura do solo enquanto os pneus são da marca Ceat com aro 19 na dianteira 100/90 e 120/80 18 na traseira. São 2.145 mm de comprimento, 785 mm de largura, 1.090 mm de altura e 1.390 mm de entre-eixos.

Loja da marca no Brasil
Loja da marca no Brasil Loja da marca no Brasil

Embora seja baseada na Meteor o fato de ter pneus diferentes, ângulo de cáster diferente posição de pedais mais tradicional centralizada a Classic 350 é bem diferente da sua irmã gêmea. Para quem gosta de um estilo tradicional e mais antigo, ela responde esse anseio por R$ 21.490,00, menos do que qualquer moto na mesma faixa de cilindrada seja esportiva seja naked ou trail de baixa cilindrada.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.