Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Renda Extra
Publicidade

Aproveite mais de 500 cursos gratuitos para impulsionar a carreira em 2023

Maioria das opções é na área de tecnologia, mas há oportunidades em finanças, administração, vendas, educação e comunicação

Renda Extra|Mariana Botta, do R7

Cursos online e gratuitos são boas opções para deixar o currículo mais competitivo
Cursos online e gratuitos são boas opções para deixar o currículo mais competitivo Cursos online e gratuitos são boas opções para deixar o currículo mais competitivo

Mais de 20 dias do Ano Novo se passaram, e algumas das promessas feitas à meia-noite de 1º de janeiro talvez já estejam sendo deixadas de lado ou começando a ser esquecidas. Mas é importante lembrar que 2023 está só começando, ainda dá tempo de 'recalcular a rota' e tirar os projetos do papel.

Para muita gente, a 'vida nova' desejada é no setor profissional. Segundo uma pesquisa realizada pela plataforma Empregos.com.br, três a cada quatro brasileiros gostariam de trocar de trabalho neste ano. O principal motivo, citado por 81,1% dos entrevistados, é o descontentamento com a ocupação atual.

Mudar de emprego nem sempre é uma tarefa fácil. Exige estudo do mercado de trabalho, autoanálise e autoconhecimento e muito planejamento. Também é importante ter um currículo competitivo e, para isso, uma boa estratégia é apostar em capacitação e atualização profissional.

Para ajudar quem está disposto a dar um novo impulso à carreira, não faltam opções de treinamentos, workshops, aulas e palestras, voltados às principais tendências e necessidades das empresas. Neste início de ano, há mais de 500 formações gratuitas. É só reservar um tempo para estudar, ter um pouco de organização e se dedicar.

Publicidade

A maior parte dos cursos é voltada para quem quer investir ou pretende migrar para o setor de tecnologia e é oferecida na modalidade remota. Os únicos requisitos são ter um computador com conexão à internet, dedicação e vontade de aprender. "Partiu" aprender?

Tecnologia

Uma boa ideia para dar os primeiros passos na área de tecnologia da informação é começar estudando Lógica de Programação. A plataforma Eu Capacito oferece um curso de seis horas, em parceria com a SoulCode, que aborda: os fundamentos da lógica, conceitos básicos da lógica de programação e estrutura de controle. As informações e o acesso ao conteúdo estão disponíveis neste link

Publicidade

Outra opção é o curso de programação em Java, que é uma das tecnologias para desenvolvimento de aplicações mais utilizadas no mundo. A Eu Capacito oferece uma formação de seis horas, 100% online, em parceria com a Oracle. Além de uma visão geral dessa linguagem de programação, o conteúdo do curso abrange: texto e números em Java; matrizes, condições e loops; classes e objetos; manipulação de exceção; herança e interfaces; e Java em OCI. Para se inscrever, basta acessar esta página.

Também há formações em Blockchain (primeiros passos e avançado), Python, Security Specialist (Salesforce), DevOps & Agile Culture, Big Data & Analytics e Computação em Nuvem. O site Eu Capacito, do Instituto IT Mídia, tem mais de 130 cursos gratuitos disponíveis, a maioria de tecnologia, oferecidos por empresas, como Google, Microsoft, FIAP, Oracle, IBM e Serasa, entre outras, muitas com emissão de certificado de conclusão.

Publicidade

Instituições públicas de ensino também têm cursos online e gratuitos, abertos a todos os interessados. Uma das plataformas é a Mooc IFSP (Massive Open Online Courses, ou Cursos online massivos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo). As aulas, além de vídeos, têm elementos interativos como testes, simuladores e fóruns. No fim do curso, é gerado um atestado de participação, sem informações de carga horária.

Algumas das 32 opções oferecidas são: Desenvolvimento PythonLinguagem PHPLinguagem JavaBanco de dados e SQLDesenvolvimento de APIs em REST, Desenvolvimento de Front endUx e UI design

Outra iniciativa em tecnologia é o Women in Machine Learning, um projeto do Centro Universitário Facens em parceria com o Google, que oferece um curso livre e gratuito de introdução ao Python. Apesar de ter as mulheres como público prioritário, com o objetivo de incentivar alunas do ensino médio a terem contato com o universo da tecnologia, as oito videoaulas do curso são abertas a todos os interessados. Para ver o conteúdo, é só acessar a plataforma Facens Play

O portal Data Science Academy, especializado em capacitação 100% online e 100% em português, também disponibiliza diversos cursos de tecnologia gratuitos, com diferentes cargas horárias, principalmente em Data Science, Big Data, Analytics, Inteligência Artificial, Blockchain e tecnologias relacionadas. Uma das opções é o curso Introdução à Ciência de Dados 3.0 (12h), indicado para quem deseja começar a trabalhar como cientista de dados, área com alta demanda de profissionais capacitados.

Para os profissionais que precisam desenvolver suas habilidades de análise e visualização de dados com o programa Power BI, é oferecido Microsoft Power BI para Business Intelligence e Data Science, com 72h de aulas. Outra possibilidade, também com 72 horas/aulas, é Fundamentos de Linguagem Python para análise de dados e Data Science.

Todas as oportunidades podem ser consultadas na plataforma, que também tem formações completas, mais longas, com diferentes faixas de preços.

Outro IF (Instituto Federal) que, além dos cursos regulares, oferece à comunidade cursos livres gratuitos e na modalidade de ensino remoto, é o do Rio Grande do Sul. O IFRS tem disponíveis em seu site, só na área de informática, 21 cursos, que podem ser feitos no primeiro semestre deste ano: o prazo para a conclusão é o dia 31 de julho.

Além de qualificações de nível básico, como Banco de Dados 1: fundamentos, Computação: Fundamentos, Descoberta de Conhecimento em Bases de Dados: fundamentos e HTML: Introdução ao desenvolvimento de páginas web, estão disponíveis cursos para pessoas que já têm algum conhecimento na área e buscam aperfeiçoamento profissional.

Leia também

Para se inscrever nas aulas de Raspberry PI e Aplicações, por exemplo, o pré-requisito é ter feito o curso Raspberry PI Básico para IoT, o que significa já conhecer o Raspberry PI, a programação Shell, serviços de redes e o sistema de captura de imagens.

Em Lógica de Programação há três cursos. O primeiro é Lógica de Programação: começando a desenvolver seus primeiros programas (1 módulo, 20 horas); o segundo, Lógica de Programação: deixando os seus programas espertos (2 módulos, 20 horas), e o terceiro, Lógica de Programação: múltiplos valores e módulos (com 20 horas de carga horária, em 2 módulos).

Variedade: da administração e design à inteligência emocional

O IFRS oferece, ainda, cursos nas áreas de Ciências Exatas, Ciências Humanas, Educação, Educação a Distância, Ambiente e Saúde, Recursos Naturais, Produção Alimentícia, Turismo e Hospitalidade, Gestão e Negócios, e Idiomas, Línguas e Literatura (espanhol, inglês, português como língua de acolhimento e gêneros textuais acadêmicos). Todos os quase 160 cursos estão disponíveis no site do instituto de ensino.

Mais uma instituição com Mooc de acesso livre é o CPS (Centro Paula Sousa), do governo do estado de São Paulo. Na plataforma, sob responsabilidade do Cetec (Unidade de Ensino Médio e Técnico), há cursos sobre ferramentas de design, como AutoCAD, Canvas, Design & Photoshop e Design Thinking

Também são contemplados conhecimentos técnicos, como VendasMecânica básica de motos, Introdução à monitoria ambiental, e Arduíno, uma plataforma de prototipagem eletrônica open source.

Para quem trabalha no setor administrativo de empresas, as opções de cursos são Gestão de conflitos, Gestão de pessoasGestão do Tempo, e há, ainda, aulas de Espanhol básicoInglês básicoPortuguês instrumental, Mercado de Trabalho, Mediação em EaD e Felicidade.

Quem busca informações rápidas, pode aproveitar os microcursos oferecidos pelo CPS, no mesmo site. Alguns deles são: Sucesso nas Redes Sociais, Como pesquisar na internet e combater as “Fake News”?CriptomoedasPor que procrastinamos?Competências Socioemocionais: Teoria do Big Five, entre outros.

A Fecap (Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado) é mais uma instituição de ensino que tem cursos de capacitação online e gratuitos, para quem pretende aproveitar as férias ou a energia do início do ano para se aperfeiçoar. São 14 opções, com carga horária total entre duas e 40 horas. Para participar, basta acessar o site, fazer a inscrição e começar a acompanhar as aulas.

Na área administrativa, os interessados podem escolher entre Liderança de Pessoas na Prática (4h), que aborda temas como as exigências do mercado para os líderes, relações humanas, e conceitos de liderança, e Autogestão de Carreira (6h), que trata da importância do projeto profissional e da motivação, entre outros assuntos.

Também são oferecidos Resolução de Problemas e Tomadas de DecisãoInteligência Emocional na Formação dos LíderesNetworking: Mitos e Verdades em Gestão de Carreiras, e Comunicação Não Violenta.

Finanças, educação e comunicação

No setor de finanças, Introdução ao Mercado de Ações (8h) é a indicação para quem quer entender o mercado financeiro do Brasil e o acesso ao mercado de investimento em ações. Outra possibilidade é Demonstração do Fluxo de Caixa (4h), fundamental para ajudar os gestores na avaliação do andamento dos negócios. 

Na mesma área, podem ser feitos os cursos Básico de Técnica em Riscos Pessoais (VG/AP), com 15h de duração, voltado a profissionais de corretoras, assessorias e seguradoras, que querem conhecer um pouco mais sobre riscos pessoais, e Simples Nacional (4h), que trata das normas relativas às micro e pequenas empresas.

A Fecap tem, ainda, cursos para profissionais da educação, como Introdução ao Ensino por Competências e Objetivos de Aprendizagem (2h), Dicas para produção de videoaulas (2h), Videoconferência: incentivo e boas práticas do uso das câmeras de vídeo (8h), e Blended: possibilidades para inovar o processo de ensino-aprendizagem (8h), esse último sobre os conceitos e aplicações do ensino híbrido.

Além de capacitações em gestão, a Capacitacoop, plataforma de ensino a distância do Sescoop/RJ (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no estado do Rio de Janeiro), tem cursos com inscrições abertas em comunicação, negociação e finanças pessoais, entre outros temas.

Ao todo, são oferecidos 103 cursos online e gratuitos, para serem feitos durante as férias. Um dos mais procurados, segundo a entidade, é o de Gestão de Finanças Pessoais. Com carga de 20 horas-aula, ele aborda mecanismos de equilíbrio das receitas e despesas, e o uso consciente de recursos próprios ou do crédito tomado de terceiros. 

Também se destacam os cursos de Comunicação Assertiva e o de Comunicação e Pensamento Crítico, indicados para profissionais que precisam melhorar suas habilidades interpessoais. O primeiro, que tem duas horas de duração, mostra, entre outras coisas, a diferença entre comunicação eficaz, eficiente e efetiva.

As oito aulas de Comunicação e Pensamento Crítico englobam tópicos como comunicação organizacional, relacionamento interpessoal, comunicação não verbal e imagem profissional. Outras opções são: Negociação e Processos Decisórios, Design de CarreiraInteligência EmocionalGestão de Riscos e Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), entre outros. As informações estão disponíveis na plataforma.

Com a intenção de contribuir para a redução do atual déficit de mão de obra qualificada, observado nos mais diversos setores da economia, a Casa do Construtor, rede de locação de equipamentos para construção civil, desenvolveu o Programa Construindo Talentos. Trata-se de uma iniciativa que tem a educação como foco, por meio da oferta de cursos livres, gratuitos e com emissão de certificado.

O primeiro é o de Técnica de vendas, mas a empresa já pensa em oferecer aulas nas áreas de Logística, Mecânica e Administração. Para fazer a inscrição e ter acesso ao conteúdo é necessário se cadastrar no site do programa e dar início à trilha de aprendizado. 

“As vendas mudaram muito nos últimos anos, e essa atualização, para entender as atuais tendências do mercado, é de extrema importância para quem tem interesse em ser um bom vendedor”, diz Ana Paula de Barros, coordenadora de recursos humanos da Casa do Construtor.

Bartenders

Até 31 de janeiro, pessoas com 18 anos ou mais, que estejam em situação de vulnerabilidade, podem se inscrever para participar do programa de capacitação Learning For Life, que oferece um curso gratuito de formação de bartenders. A iniciativa é da Diageo, companhia proprietária das marcas Johnnie Walker, Tanqueray, Smirnoff e Ypióca.

O programa, que já formou mais de 24 mil profissionais, aceita candidaturas de todo o país e, neste ano, pode ser realizado presencialmente ou 100% online. Quem optar pelo modelo presencial poderá contar com as salas de aula nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza. O início está previsto para 17 de fevereiro, com término em 17 de março.

Os requisitos, além da idade, são: estar cursando ou ter concluído o ensino médio, ter renda, com registro em carteira, de até R$1.600, ou estar desempregado. Também é preciso ter computador ou smartphone com acesso à internet.

“O processo inicial contempla a avaliação das inscrições realizadas, para que possamos verificar o atendimento aos critérios de elegibilidade do programa. Após essa etapa, os alunos e alunas serão contatados pela nossa equipe, para o início das aulas, que ocorrem ao longo de até cinco semanas”, diz Darline Oliveira, coordenadora de relações corporativas da Diageo, responsável pelo projeto no Brasil.

No curso, são ensinadas habilidades técnicas da profissão e conteúdos transversais, de cidadania, relacionados com o consumo responsável de bebidas alcoólicas, com a diversidade e a inclusão, explica Darline. Ela afirma que, dessa forma, a iniciativa promove a formação profissional ampla, capacitando os alunos e alunas para uma atuação de excelência na área de coquetelaria. Para maiores informações sobre o programa e as inscrições, os interessados podem acessar o Instagram do @learningforlife_br ou o site dos cursos.

Outras oportunidades podem ser encontradas nos sites do EaD do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), tanto o nacional, como as unidades regionais, como a de Mato Grosso do Sul, por exemplo, e na página de cursos do Tribunal de Contas da União

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.