São Paulo Máfia italiana criou rede com PCC e criminosos da Colômbia e Equador

Máfia italiana criou rede com PCC e criminosos da Colômbia e Equador

Drogas compradas eram enviadas para a Europa e a Austrália, e os pagamentos eram feitos por operações de dólar-cabo

  • São Paulo

Parte das drogas era enviadas pelo Brasil por esquemas em portos e aeroportos operados pelo PCC onde parte do pagamento eram feitos com o envio de armas que circulavam no Paquistão. As imagens foram divulgadas pela Europol e obtidas pelo repórter investigativo da Record TV Márcio Neves

Últimas