Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Mulher acha que joelho dói por acidente com cavalo, mas descobre um câncer

Exames mostraram que neozelandesa tinha um osteossarcoma, um tipo de tumor que afeta os ossos 

Saúde|Do R7

Amy Haigh acreditou que dores no joelho eram por lesão
Amy Haigh acreditou que dores no joelho eram por lesão Amy Haigh acreditou que dores no joelho eram por lesão

A neozelandesa Amy Haigh, de 27 anos, passou algum tempo suspeitando que as dores que sentia no joelho eram decorrentes de uma lesão causada em um passeio a cavalo. 

Tentando driblar o desconforto, a jovem resolveu dar ênfase aos exercícios, o que inchou a região, além de causar uma dor ainda mais incômoda.

Ao buscar fisioterapia, quiropratas e um osteopata, ela imaginou que pudesse ter algum êxito na melhora, o que não aconteceu.

Com as dores contínuas, um personal trainer sugeriu a Amy que buscasse auxílio médico para a realização de um exame.

Publicidade

Segundo o tabloide britânico Daily Mail, em setembro de 2022, a jovem foi submetida a uma ressonância magnética. O resultado foi uma surpresa: um câncer, mais precisamente um osteossarcoma, tumor que afeta os ossos.

• Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Publicidade

• Compartilhe esta notícia no Telegram

No mês seguinte, Amy passou por duas rodadas de quimioterapia, com um intervalo de 35 dias entre cada uma delas, além de duas semanas de internação hospitalar.

Publicidade

Com a finalização dos ciclos quimioterápicos, Amy foi submetida, em janeiro deste ano, a uma cirurgia para a retirada da área do fêmur que fora afetada pelo câncer.

O osso foi substituído pelo de um doador e ligado ao restante do fêmur dela por uma placa e 11 parafusos.

Ao Daily Mail, a neozelandesa relatou que seu receio era o de haver a necessidade de uma substituição total do joelho, o que a levaria a realizar cirurgias pelo resto da vida. 

Leia também

Após a remoção do osso afetado, os médicos constataram que não havia mais células cancerígenas no organismo da mulher e, em março, ela foi declarada livre do câncer. 

"Tem que haver uma fresta de esperança para tudo isso. Mesmo tendo passado por tantas coisas, ainda posso ver o lado bom da minha experiência", finaliza.

Conheça os alimentos que a ciência considera aliados contra o câncer

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.