Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Brasília
Publicidade

Adolescente, grávida e bebê morrem em grave acidente no DF

Três veículos se envolveram em uma colisão na Epia Sul na noite deste domingo (17). Ao todo, 45 bombeiros atuaram no resgate

Brasília|Jéssica Moura, do R7, em Brasília


Acidente na Epia Sul deixou a pista bloqueada
Acidente na Epia Sul deixou a pista bloqueada

Três pessoas morreram e sete ficaram feridas em um grave acidente que envolveu três veículos na noite deste domingo (17) no Distrito Federal. Entre as vítimas, estão uma mulher grávida, seu bebê e uma adolescente de 12 anos. A colisão foi na Epia Sul, na altura da quadra 26 da região do Park Way.

O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 20h30 para socorrer as vítimas. Ao todo, 45 militares foram mobilizados em 14 viaturas para a ação de salvamento. Ao chegarem ao local, eles depararam com uma cena de devastação.

No carro que parou mais atrás de outros dois, havia uma mulher grávida presa às ferragens no banco do passageiro. Atrás, duas adolescentes estavam inconscientes. O motorista desse veículo foi localizado do lado de fora do automóvel.

Os bombeiros retiraram a gestante, que foi levada pelo Samu para o HMIB (Hospital Materno e Infantil). Contudo, ela e o bebê não resistiram aos ferimentos e morreram no hospital.

Publicidade

Enquanto isso, as jovens desacordadas eram socorridas na pista. Uma delas, de 13 anos, foi levada ainda inconsciente para o Hospital de Base. A segunda, de 12, sofreu uma parada cardíaca no local do acidente. Durante uma hora, os militares realizaram as manobras de reanimação, mas ela não respondeu aos procedimentos, e o óbito foi declarado ali mesmo.

Leia também

Os bombeiros também atuaram para resgatar as vítimas nos outros dois carros. O que estava mais à frente no acidente capotou na via e parou com as rodas para cima. Lá de dentro, eles retiraram o motorista, de 33 anos, e os dois filhos dele, de 3 e 6. Sem ferimentos graves e apenas com algumas escoriações e dores, eles foram encaminhados ao Hospital de Base para exames.

Publicidade

No segundo automóvel, a motorista, de 31 anos, tinha sinais vitais instáveis e foi levada para o Hospital de Taguatinga com suspeita de fratura no braço e dores abdominais. Um inchaço no rosto da irmã dela, de 6 anos, que estava no banco do passageiro, sugeria que a criança tinha sofrido um traumatismo craniano. Por isso ela foi encaminhada para o Hospital de Base.

Durante o atendimento às vítimas, todas as faixas da pista principal chegaram a ser interditadas, e o trânsito fluía pelas marginais.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.