Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Brasília
Publicidade

STJ nega liberdade a advogado que atropelou mulher após briga no DF

Segundo o relator do caso na Corte, os advogados de Milhomem não apresentaram fatos novos sobre a negativa anterior

Balanço Geral DF|Do R7


O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou, nesta terça-feira (28), o quinto pedido de habeas corpus da defesa do advogado Paulo Ricardo Moraes Milhomem, preso após atropelar a servidora pública Tatiana Matsunaga durante uma briga de trânsito no Distrito Federal. O caso ocorreu em agosto de 2021. Segundo o relator do caso na Corte, os advogados de Milhomem não apresentaram fatos novos sobre a negativa anterior.

VEJA MAIS:

FUNCIONÁRIAS DA CAIXA PROTESTAM CONTRA PEDRO GUIMARÃES EM BRASÍLIA

IDOSO DENUNCIA GENRO POR AGRESSÃO E É MORTO POR ELE; VEJA VÍDEO

SUSPEITO DE MATAR CAMINHONEIRO ENTREGA ARMA E É PRESO EM GOIÁS

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.