Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Procurador pede ao TCU que apure suposto desvio de finalidade de ex-diretor da Receita

O servidor, segundo o pedido de investigação, acessava indevidamente bancos de dados do órgão 

Brasília|Gabriela Coelho, Do R7, em Brasília

Tribunal de Contas da União, em Brasília
Tribunal de Contas da União, em Brasília Tribunal de Contas da União, em Brasília

O procurador Lucas Furtado, do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União (TCU), apresentou ao tribunal nesta quarta-feira (1º) pedido para apurar possíveis irregularidades na Secretaria da Receita Federal, que configuram suposto desvio de finalidade de Ricardo Feitosa, ex-diretor de inteligência do órgão. 

A manifestação ocorreu após o jornal "Folha de S.Paulo" publicar reportagem que afirma que Feitosa teria acessado ilegalmente dados de opositores da família do ex-presidente Jair Bolsonaro. 

O servidor, segundo o pedido de investigação, acessava indevidamente bancos de dados do órgão em busca de informações protegidas por sigilo, relativas a pessoas que seriam desafetos políticos de Bolsonaro.

O servidor da Receita Federal é suspeito de ter acessado dados fiscais sigilosos do coordenador das investigações sobre o suposto esquema das "rachadinhas" envolvendo o senador Flávio Bolsonaro, o então procurador-geral de Justiça do Rio Eduardo Gussem, e de dois políticos que haviam rompido com o ex-presidente, o empresário Paulo Marinho e o ex-ministro Gustavo Bebianno.

Publicidade

Leia também: Governo faz 'esforço concentrado' para mostrar ao BC que é possível reduzir os juros, diz Tebet

"Dessa forma, o acesso indevido a dados sigilosos desses personagens por parte do servidor da Receita Federal poderia, em tese, objetivar a obtenção de informações que pudessem constranger de alguma forma esses indivíduos, em contraposição a suas posições críticas à família Bolsonaro, de modo a, dessa forma, atender um eventual interesse meramente pessoal do ex-presidente", diz o pedido. 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.