Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Notícias R7 – Brasil, mundo, saúde, política, empregos e mais
Publicidade

Uma em cada 4 pessoas que não concluíram a imunização contra Covid não confiam na vacina

Segundo o levantamento do IBGE, falta de tempo e medo de reação também foram justificativas usadas pelos entrevistados

Cidades|Giovana Cardoso, do R7, em Brasília

Manifesto foi enviado no último dia 31 (Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília - 3.5.2024)

Um em cada quatro brasileiros que não tomaram todas as doses recomendadas da vacina contra Covid-19 dizem não confiar ou achar necessário a aplicação do imunizante. Isso representa 25,5% dos 72,7 milhões de pessoas de 5 anos ou mais que declararam não ter completado o ciclo vacinal até o primeiro trimestre de 2023. Os dados são da Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) divulgada nesta sexta-feira (24) pelo IBGE (Instituto Brasileiro e Geografia e Estatística).

De acordo com o Programa Nacional de Imunizações, a pessoa é considerada vacinada quando apresenta o esquema de duas doses do imunizante contra a Covid-19, definindo que a meta de cobertura vacinal é de 90%.

Veja mais

Segundo o levantamento, esquecimento ou falta de tempo foi a principal justificativa deste público, representando 29,2%. Outros motivos como medo de reação (16,5%), vacina de preferência não estar disponível (8,6%) e intervalo para próxima dose (17,5%) também foram explicados pelas pessoas.

A região Sul do país foi a única com o maior índice de pessoas que não tomaram todas as vacinas recomendadas por não achar necessário e/ou não confiar no imunizante, com 34,2%. As demais localidades tiveram como principal justificativa a falta de tempo ou esquecimento.

Publicidade

Ainda de acordo com o estudo, é estimado que 188,3 milhões de pessoas de 5 anos ou mais tenham tomado pelo menos uma dose de vacina contra a Covid-19, o que representa 93,9% da população dessa faixa etária no país. Neste recorte, as mulheres se destacam entre aqueles que mais se imunizaram, com 94,8%. O percentual dos homens foi de 93%.

Entre aqueles que tomaram o imunizante, o Brasil registra maior número de pessoas vacinadas por 3 doses ou mais em jovens de 5 a 17 anos, com 33,8%, e por 4 doses ou mais em adultos de 18 anos ou mais, com 42,4%.

Publicidade

Até o primeiro trimestre do ano passado, 11,2 milhões de brasileiros de 5 anos ou mais disseram não ter se vacinado contra a doença. Desses, 33,7% afirmaram ter tido medo de reações ou de injeção, 26,3% disseram não confiar no imunizante, 24,2% por não achar necessário e 5,1% por recomendação médica.

Infectados pela Covid-19

No Brasil, 55 milhões de brasileiros de 5 anos ou mais foram diagnosticados ou testaram positivo para a Covid-19 até o 1º trimestre de 2023.

Publicidade

Segundo o levantamento, a maior parte dos infectados são pessoas de 18 anos ou mais (49,9%), sendo as mulheres aquelas que mais contraíram a doença (27,4%).


Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.