Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Notícias R7 – Brasil, mundo, saúde, política, empregos e mais
Publicidade

Marido agride a mulher com botijão de gás durante briga em Vitória

A mulher, de 43 anos, foi encontrada por policiais militares bem machucada. Ela teve ferimentos nos braços, joelho e rosto

Folha Vitória

Folha Vitória|Do R7


Folha Vitória
Folha Vitória

Uma confusão entre um casal quase terminou com uma mulher morta na madrugada desta sexta-feira (27), no bairro Bela Vista, em Vitória. Durante a briga, o agressor pegou um botijão de gás de cozinha e arremessou na esposa.

A mulher, de 43 anos, foi encontrada por policiais militares bem machucada. Ela não conseguia sair do lugar e teve dificuldade para explicar aos PMs o que havia acontecido com ela.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe do nosso grupo de notícias no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

No entanto, ela contou que a discussão começou ao perguntar para o marido se ele havia bebido. Para ela, o companheiro já havia passado do limite na bebida alcoólica e, por isso, o questionou.

Publicidade

Segundo a vítima, ele não teria gostado da cobrança e a agrediu. Entre socos e arranhões, o marido pegou um botijão de gás e golpeou a mulher.

LEIA TAMBÉM: Jovem que agrediu mãe por causa de liquidificador é liberada antes da vítima, em Vila Velha

Publicidade

O homem foi contido por moradores do bairro, que o entregaram aos militares. A mulher teve ferimentos nos braços, no joelho e no rosto. Ela foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e levada para um hospital em Vitória.

Para os miliares, ela também contou que não é a primeira vez que foi agredida pelo marido. Inclusive, ela já teve uma medida protetiva contra ele.

Publicidade

LEIA TAMBÉM: Servidor de Linhares é detido com droga em carro da prefeitura

O agressor foi encaminhado ao Plantão Especializado da Mulher (PEM) e depois levado para o Departamento Médico Legal (DML), onde passou por exames. Ele assumiu ter cometido as agressões, mas disse que fez para defender a filha.

"Ela queria incendiar a casa comigo e minha filha dentro. Saiu da boca dela isso", disse o suspeito.

LEIA TAMBÉM: "Você perde a razão de viver", diz mãe de adolescente morto em Vila Velha

A Polícia Civil informou que o suspeito, de 31 anos, foi autuado em flagrante por lesão corporal qualificada e encaminhado para o Centro de Triagem de Viana (CTV).

*Com informações da repórter Ana Carolini Mota, da TV Vitória/Record TV.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.