Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Descubra se você está no 3º lote de restituição do Imposto de Renda

Rodada de pagamentos contempla 5,6 milhões de contribuintes, que receberão a grana na segunda-feira da semana que vem (31)

Economia|Do R7


Lote contempla grupos prioritários e não prioritários
Lote contempla grupos prioritários e não prioritários

A Receita Federal liberou na manhã desta segunda-feira (24) a consulta à lista de contemplados no terceiro lote de restituição do IRPF (Imposto de Renda de Pessoa Física) 2023.

DESCUBRA AQUI SE VOCÊ ESTÁ NO 3º LOTE DE RESTITUIÇÃO

O crédito bancário para os 5.632.036 contribuintes presentes na rodada de pagamentos será realizado na segunda-feira da semana que vem (31), no valor total de RS 7,5 bilhões.

Entre os beneficiados, 111.583 são idosos, 9.740 apresentam alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 30.700 têm o magistério como maior fonte de renda. Os demais 3,879 milhões de contribuintes que não possuem prioridade legal recebem no lote atual por terem utilizado a declaração pré-preenchida ou optado por receber a restituição via Pix.

Publicidade

Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

Estão também entre os contemplados 1,6 milhão de contribuintes não prioritários que enviaram suas declarações para a base de dados do Fisco até o dia 23 de março. Quem não for contemplado nos três lotes iniciais ainda terá a oportunidade de receber a restituição nas rodadas de pagamento a ser efetivadas nos dias 31 de agosto e 29 de setembro.

Consulta

Para saber se você está entre os contemplados do terceiro lote de restituição do Imposto de Renda de 2023, basta acessar a página da Receita na internet. Também é possível realizar a consulta pelo aplicativo do Fisco, disponível para Android e iOS.

Publicidade

Em todos os sistemas, o contribuinte descobre se a sua restituição foi liberada, se ainda está sendo processada ou se existem pendências. Nesse último caso, as correções podem ser feitas por meio de uma declaração retificadora.

O pagamento da restituição é realizado diretamente na conta bancária informada na declaração. Após ser depositado, o dinheiro ficará disponível no banco durante o período de um ano. Se o contribuinte não fizer o saque no prazo, deverá solicitar o montante por meio do formulário eletrônico Pedido de Pagamento de Restituição ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor a ser restituído não apareça na conta bancária, o contribuinte poderá comparecer a qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento, pelos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos), para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.