Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Simulador compara quanto rendem R$ 100 na poupança e em outras aplicações

O R7, em parceria com o Educando Seu Bolso, lançou ferramenta para ajudar nas finanças pessoais do dia a dia

Economia|Do R7


Simulador mostra onde o seu dinheiro vai render mais
Simulador mostra onde o seu dinheiro vai render mais

O R7, em parceria com o Educando Seu Bolso, lançou simuladores para ajudar nas finanças pessoais do dia a dia. Uma das ferramentas auxilia a planejar as suas economias. O Simulador de Investimentos em Renda Fixa compara quanto rende cada aplicação com um determinado valor e durante um período escolhido.

Para usar a calculadora de investimentos, basta clicar na aba Renda Extra, do R7, em seguida o item simuladores, e Investimentos (https://renda-extra.r7.com/investimentos), e seguir o passo a passo.

É preciso informar quanto você gostaria de investir e até quantos meses quer deixar o valor aplicado. A partir dos dados, o simulador calcula qual investimento, entre poupança, CDB e LCI é mais favorável e rende mais.

Por exemplo, se aplicar R$ 100 por mês durante um ano, o CDB com remuneração líquida de 102,56% de CDI terá resultado financeiro de R$ 4,26 a mais que a poupança.

Publicidade

Simulação

Quanto rende R$ 100 por mês durante 12 meses?

• Poupança: R$ 109,56

Publicidade

• CDB: R$113,82

• LCI: R$ 112,19 

Publicidade

Glossário

• Renda variável – aplicações em ações

• Renda fixa – aplicações em títulos do governo, CDB, fundo de renda fixa e poupança

• CDI – Certificado de Depósito Interbancário é utilizado como parâmetro para a rentabilidade de investimentos em renda fixa, como o CDB (Certificado de Depósito Bancário)

• LCI e LCA – São títulos de renda fixa emitidos por bancos, com o intuito de captar recursos a serem utilizados na concessão de empréstimos nos setores imobiliário e do agronegócio

Leia também

Histórico

No período de 12 meses até fevereiro deste ano, as aplicações que tiveram o melhor desempenho foram as que seguem o CDI (Certificado de Depósito Interbancário), mostrou um levantamento do serviço de investimento TradeMap.

Esse indicador teve uma valorização de 13% nesse período, o que levou apenas os investimentos em renda fixa e na poupança a baterem a inflação acumulada em um ano.

No mesmo período, o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), a inflação oficial do país, acumula alta de 5,6% no período. No mês de fevereiro, a alta da inflação foi de 0,84% em relação ao mês anterior, e a taxa de juros da economia brasileira, a Selic, foi mantida em 13,75% ao ano.

Com a taxa básica de juros, a Selic, fixada em 13,75% ao ano, o maior patamar dos últimos seis anos, desde agosto do ano passado, as aplicações na poupança rendem 0,5% ao mês, mais a variação da TR, a Taxa Referencial.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.