Educação Enem 2021: provas serão aplicadas em menos de 30 dias; materiais gratuitos ajudam nos estudos

Enem 2021: provas serão aplicadas em menos de 30 dias; materiais gratuitos ajudam nos estudos

Diferentes plataformas disponibilizam conteúdo para turbinar reta final de preparação

Com a aproximação da data, é hora de focar naqueles conteúdos em que o candidato possui maior dificuldade

Com a aproximação da data, é hora de focar naqueles conteúdos em que o candidato possui maior dificuldade

Divulgação

Em pouco menos de um mês, especificamente no dia 21/11, os mais de três milhões de inscritos farão a primeira rodada de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), uma das avaliações mais aguardadas do calendário estudantil. Na contagem regressiva, o tempo de preparação diminui mas cresce a expectativa de quem quer alcançar boas notas, já que o exame é um dos meios de acesso mais importantes do país para o ingresso em faculdades privadas e públicas.

Com a aproximação da data, é hora de focar naqueles conteúdos em que o candidato possui maior dificuldade, revisando o que já aprendeu até então, além de conferir resumos sobre os principais assuntos cobrados na prova. Jovens e adultos brasileiros que desejam ingressar em uma faculdade podem contar com ferramentas de estudo gratuitas disponibilizados na internet para auxiliar os vestibulandos a alcançarem um bom desempenho na avaliação. Uma delas é o Guia Enem, do Educa Mais Brasil, maior programa de inclusão educacional privado que oferece bolsas de estudo em diferentes etapas de ensino.

O Guia Enem pode ser usado como material de apoio por estudantes do ensino fundamental e médio – como também o público geral – para pesquisas, revisão de conteúdos e resumos. Durante todo ano de 2020, a plataforma recebeu mais de 1,5 milhão de acessos mensais. 

Para Amanda Galindo, coordenadora de Marketing do Educa Mais Brasil, o grande volume de acessos é uma boa resposta para a equipe de produção de conteúdo, mostra o valor do material elaborado para quem busca maneiras de complementar os estudos gratuitamente para o Enem, podendo se sentir mais preparados para a prova.

“Ficamos altamente satisfeitos com os resultados do Guia Enem. É muito gratificante saber que estamos contribuindo para um desempenho educacional na sociedade. Afinal, temos certeza que o ensino abre portas! Seja por meio das nossas bolsas de estudo ou pelo uso da plataforma, nossa intenção é sempre agregar e democratizar o conhecimento para transformar vidas através da educação”, destaca Amanda, lembrando que o Educa Mais Brasil Explica! é outro projeto criado pelo programa para disponibilizar conteúdo gratuito no YouTube. No canal, um time de professores especialista na avaliação produz videoaulas curtas e objetivas com dicas, resumos e análises dos assuntos cobrados no Enem. As aulas são divididas em playlists, facilitando a vida do estudante que pode se encontrar em um tema e organizar melhor a rotina de estudos.

Trilhas de aulas para turbinar a reta final de estudos
A organização sem fins lucrativos Khan Academy também separou conteúdos gratuitos em sua plataforma online para ajudar nesse processo de estudos. Além de todo o acervo com material que auxiliam estudantes em diferentes etapas de ensino, a plataforma montou quatro trilhas de estudos focadas no Enem 2021. Os temas foram divididos em:
- Prepare-se (1º, 2º e 3º EM) - Matemática;
Química Orgânica;
- Física;
- Biologia.

Enem 2021
Nesta edição do Enem 2021, as provas acontecem em duas etapas. A primeira nos dias 21 e 28 de novembro deste ano, para os estudantes que se inscreveram e realizaram o pagamento no período regular, e a segunda, nos dias 9 e 16 de janeiro de 2022, para participantes isentos que participaram da reabertura das inscrições.

Nos próximos dias, o local de provas deve ser divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo exame. O Enem contém 180 questões objetivas, sendo 45 questões de quatro áreas de conhecimento e uma redação. No caso das questões objetivas a correção é feita com base na Teoria de Resposta ao Item (TRI). Dessa forma, a nota de cada área apresentada nas provas vai depender do nível de dificuldade da questão acertada e da consistência geral das respostas.

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Últimas