Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Eleições 2016
Publicidade

Temos quatro anos para construir o Rio de Janeiro dos nossos sonhos, diz Crivella

Senador republicano foi eleito prefeito na noite deste domingo com 59,4% dos votos válidos

Rio de Janeiro|Do R7

Discurso de vitória foi feito no Bangu Atlético Clube, na zona oeste
Discurso de vitória foi feito no Bangu Atlético Clube, na zona oeste Discurso de vitória foi feito no Bangu Atlético Clube, na zona oeste

O senador Marcelo Crivella (PRB), eleito prefeito do Rio de Janeiro, afirmou que a campanha termina com a eleição e agradeceu ao apoio da Igreja Católica. Em sua primeira aparição pública após a confirmação de sua eleição, Crivella citou Deus mais de uma vez em discurso no Bangu Atlético Clube, em Bangu, na zona oeste do Rio.

O senador obteve 59,4% dos votos válidos e derrotou o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL).

— Quero agradecer a toda a Igreja Católica que nos apoiou, vencendo uma onda enorme de preconceito, levantada na campanha eleitoral e por parte de uma mídia facciosa, inimiga jurada da nossa candidatura. Agradeço aos candomblecistas e também aos que não têm religião.

De missionário na África a prefeito do Rio. Conheça Crivella

Publicidade

O prefeito eleito defendeu que as acusações típicas de campanhas eleitorais fiquem para trás.

— Não podemos jamais cair nas armadilhas da praga maldita da vingança. O processo eleitoral termina aqui. Acabou. Não temos memórias para injúrias, calúnias e infâmias. Agradeço a Deus porque estou cercado de pessoas que têm a alma, a natureza, a índole e a vocação da política, que é olhar para a frente.

Publicidade

Sobre a vitória, Crivella ressaltou que já havia sido candidato a cargos majoritários em outras oportunidades, mas fora derrotado.

— Peço a Deus que esta modesta e acidentada vida pública possa deixar para todos os cariocas esse ensinamento de que sempre chega a nossa vez quando a gente não desiste [...] Que todos nós possamos ter a esperança dos que sempre lutam e a fé dos que nunca desistem.

Publicidade

O prefeito eleito ressaltou que "ninguém vence sozinho" e citou aliados como os candidatos derrotados no primeiro turno Índio de Costa (PSD) e Carlos Osório (PSDB), a deputada federal Clarissa Garotinho (PR), o senador Romário (PSB) e o deputado estadual Wagner Montes (PRB).

— Temos quatro anos para construir o Rio de Janeiro de nossos sonhos [...] Vamos concentrar todas as nossas energias para realizar o projeto que propomos ao povo, que é cuidar das pessoas.

Assista abaixo ao primeiro discurso de Crivella:

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.