Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Eleições 2022
Publicidade

Tarcísio Freitas lidera pesquisa espontânea para o Governo de SP

Já no cenário estimulado, Fernando Haddad (PT) aparece na frente, com 29,7% das intenções de voto

Eleições 2022|Do R7


Ex-ministro da Infraestrutura aposta em candidatura ao Governo de São Paulo
Ex-ministro da Infraestrutura aposta em candidatura ao Governo de São Paulo

O ex-ministro da Infraestrutura do governo de Jair Bolsonaro (PL) Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos) lidera na pesquisa espontânea para o Governo de São Paulo realizada pelo Instituto Paraná, e divulgada nesta segunda-feira (4). O ex-prefeito paulistano Fernando Haddad (PT) é o líder na pesquisa estimulada.

Na pesquisa espontânea, indecisos, brancos e nulos somam 85% do eleitorado. Tarcísio aparece na frente com 6,8%, enquanto Haddad tem 4,1%. Márcio França (PSB) tem 2,3% das intenções de voto.

Já no cenário em que os nomes dos candidatos são apontados, o petista lidera com 29,7% das intenções de voto. Em seguida, Márcio França aparece com 18,6%; Tarcísio figura em quarta posição, com 15,2%. Brancos e nulos somam 19,3%. Comparado com o cenário anterior da pesquisa estimulada, Tarcísio cresceu 2,8%, e Haddad declinou 1,1%.

Leia também: Bolsonaro cresce 4,8 pontos em um mês e passa Lula numericamente em SP, diz pesquisa

Publicidade

O instituto ouviu 1.820 moradores de 78 cidades paulistas entre os dias 24 e 29 de abril. A margem de erro do levantamento, registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o número SP-01683/2022, é de 2,3 pontos percentuais, para mais ou para menos.

No cenário em que o nome dos candidatos à Presidência é citado, 31,6% dos entrevistados responderam que votariam em Haddad com o apoio de Lula para presidente. 30,1% disse que votaria em Tarcísio com o apoio de Jair Bolsonaro. Em pesquisa divulgada no sábado (30), o ex-presidente e o ex-capitão aparecem tecnicamente empatados em São Paulo. Bolsonaro com 35,8% das intenções de voto, e Lula com 34,9%.

Apesar de liderar no cenário principal, Haddad tem maior rejeição entre os candidatos. 48,5% dos entrevistados disseram que não votariam de jeito nenhum no petista para governador do estado. Márcio França tem a segunda maior rejeição da pesquisa, com 45,6%. Tarcísio obteve 35,9% de rejeição.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.