Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

França acusa Rússia de 'fingir' negociar com a Ucrânia

Autoridades dos dois países em conflito se reuniram nesta semana, mas nenhum acordo de cessar-fogo foi firmado e a guerra continua

Internacional|Do R7


Ministros das Relações Exteriores da Rússia e da Ucrânia se encontraram na Turquia
Ministros das Relações Exteriores da Rússia e da Ucrânia se encontraram na Turquia

O ministro francês das Relações Exteriores, Jean-Yves Le Drian, acusou a Rússia, nesta quinta-feira (17), de "fingir negociar" um cessar-fogo com a Ucrânia, enquanto continua sua ofensiva no país vizinho deflagrada em 24 de fevereiro.

A "lógica russa (...) baseia-se no tripé habitual: bombardeios indiscriminados, supostos 'corredores' humanitários (...) e conversas sem outro propósito a não ser fingir que estão negociando", disse Le Drian ao jornal Le Parisien.

Russos e ucranianos seguiram negociando nesta quarta-feira (16). Moscou afirma que as discussões estão concentradas em um futuro "status" de neutralidade para a Ucrânia, seguindo os modelos da Suécia ou da Áustria.

Kiev rejeita essas comparações. O presidente ucraniano Volodmir Zelenski já manifestou sua disposição de renunciar a qualquer adesão da Ucrânia à Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), um dos principais argumentos usados pela Rússia para lançar a invasão.

Leia também

"A Rússia optou por continuar usando suas armas" e "rejeita, por enquanto", o cessar-fogo, acrescentou Le Drian, insistindo em ressaltar o "desejo" de Moscou de buscar uma "capitulação ucraniana" e suas demandas "maximalistas".

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.