Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Mulher é resgatada na Turquia após quase 11 dias sob escombros

Neslihan Kiliç foi levada de ambulância para um hospital da região; autoridades não informaram estado de saúde da turca

Internacional|Do R7


Neslihan foi levada ao hospital
Neslihan foi levada ao hospital

Uma mulher de 30 anos foi resgatada com vida nesta quinta-feira (16) na província turca de Kahramanmaras, depois de passar 258 horas presa nos escombros de um prédio destruído pelos terremotos que devastaram o sudeste da Turquia e o norte da Síria há dez dias, deixando mais de 40 mil mortos.

Neslihan Kiliç foi retirada dos escombros após horas de trabalho duro das equipes de resgate e imediatamente levada de ambulância para um hospital, segundo informou a imprensa turca.

O resgate ocorreu dez horas depois ao de uma menina de 17 anos, também retirada dos escombros em Kahramanmaras, onde foi registrado o epicentro do primeiro terremoto.

De acordo com a agência de emergência Afad, a Turquia registrou até agora 36.187 mortes causadas pelos terremotos, além de 108 mil feridos.

Publicidade

A região afetada pelos terremotos, de 7,8 e 7,6 graus de magnitude, se estende por mais de 100 mil quilômetros quadrados e abriga cerca de 14 milhões de pessoas.

Segundo dados oficiais, mais de 11 mil prédios desabaram durante os terremotos, que atingiram dez províncias turcas. Muitos deles eram edifícios de apartamentos de vários andares, onde os esforços de resgate são muito complicados – é necessário usar maquinaria pesada – e as vítimas são numerosas.

A Risklayer, uma empresa alemã de análise de risco, alertou que o número final de mortos pode estar entre 75 mil e 90 mil, embora especialistas turcos estimem que essa cifra pode chegar a 155 mil.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.