Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Christina Lemos - Blogs
Publicidade

São Paulo antecipa vacinação de crianças de 5 a 8 anos

Previsão era iniciar no dia 31. Novo calendário beneficia 2 milhões de crianças, com doses da Pfizer e da CoronaVac

Christina Lemos|Do R7


Estado de São Paulo já disponibilizou 4 milhões de doses da CoronaVac
Estado de São Paulo já disponibilizou 4 milhões de doses da CoronaVac

Na corrida para barrar a circulação da Ômicron, nova variante do coronavírus, e diante da disponibilidade de doses de dois imunizantes específicos para uso pediátrico, 5.200 postos de vacinação do estado de São Paulo iniciam hoje a aplicação dos imunizantes em crianças de 5 a 8 anos, antes prevista para começar na segunda-feira (31).

“Mais de 2 milhões de crianças se beneficiam com o novo calendário em todo o estado de SP”, estima Regiane de Paula, coordenadora do plano estadual de imunização. “Cada dia é fundamental para a proteção das crianças”, completa.

O estado de São Paulo já disponibilizou 4 milhões de doses da CoronaVac, que teve o uso pediátrico aprovado pela Anvisa em 20 de janeiro, e 900 mil doses da Pfizer, imunizante importado pelo governo federal.

Para agilizar o atendimento, os pais podem fazer o pré-cadastro no site do “vacinajá”, mas o procedimento não é obrigatório.

A vacinação infantil tornou-se mais um ponto de disputa política entre o governador João Doria e o governo federal. Doria, que é pré-candidato à Presidência, vem se esforçando para se antecipar aos passos do Ministério da Saúde, criticado por atrasar a imunização de crianças e manter ressalvas a ela. As críticas se transformaram em ações judiciais contra o ministro Marcelo Queiroga e o próprio presidente Bolsonaro.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.