Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Afonso Paciléo
Publicidade

Análise SWOT: entenda seu negócio

A análise SWOT (ou análise FOFA) é uma ferramenta de planejamento estratégico muito comum na gestão empresarial. A avaliação do cenário interno e externo ajuda o empreendedor a entender melhor o seu negócio e, assim, tomar decisões mais assertivas. 

Empreendendo Direito|Do R7 e Afonso Pacileo


O mundo corporativo atual exige que as empresas tenham uma clara visão do mercado e das suas próprias características. Dessa forma, é possível adquirir um diferencial competitivo, por exemplo.

Apesar de simples, essa ferramenta é muito útil e faz toda a diferença no estudo de mercado e elaboração das melhores estratégias para atingir os objetivos empresariais.

Neste artigo, você vai encontrar o que é a análise SWOT e quais são os fatores analisados, seus benefícios e o passo a passo para fazer a sua análise.

Segue a leitura! 

Publicidade

O que é análise SWOT

A análise SWOT é uma matriz que identifica as forças (strengths), fraquezas (weaknesses), oportunidades (opportunities) e ameaças (threats) de um negócio.

Publicidade

O objetivo é fazer um diagnóstico baseado na influência do ambiente interno e externo nos resultados da empresa. Ao cruzar essas informações, é possível entender a atual situação do negócio, reduzir riscos e definir ações de melhorias para cada setor.

Essa ferramenta foi desenvolvida na década de 60 por Albert Humphrey, consultor empresarial da Universidade de Stanford. Ao longo dos anos, a técnica passou por diversas adaptações e hoje é utilizada por organizações de todo o mundo.

A seguir, vamos compreender melhor cada um dos quatro fatores analisados na SWOT.

Fatores analisados na matriz SWOT

Fatores internos

Os fatores do ambiente interno são aqueles que dependem da empresa e podem ser controlados por ela.

● Forças: são os pontos fortes, vantagens e tudo que faz o seu negócio se destacar de forma positiva. Isso pode incluir:

➔ Seus melhores produtos e serviços;

➔ Recursos;

➔ Diferenciais competitivos;

➔ Relacionamentos estratégicos no mercado;

➔ Habilidades e competências dos colaboradores;

➔ Localização privilegiada.

● Fraquezas: são os pontos fracos, desvantagens e tudo que pode prejudicar o andamento dos negócios ou interferir negativamente nos objetivos. As fraquezas podem ser:

➔ Processos falhos;

➔ Setores com baixo desempenho;

➔ Matéria-prima escassa ou de baixa qualidade;

➔ Equipe pouco qualificada;

➔ Falta de recursos;

➔ Desvantagens em relação aos concorrentes;

➔ Localização pouco acessível.

Fatores externos

Os fatores do ambiente externo são aqueles que influenciam o negócio, mas não podem ser controlados. Mesmo assim, esses fatores devem ser monitorados.

● Oportunidades: são as situações e características do mercado que impactam positivamente a empresa e podem ser aproveitadas. Alguns exemplos de oportunidades são:

➔ Surgimento de novas tecnologias;

➔ Economia favorável;

➔ Eventos ou datas comemorativas no mesmo segmento;

➔ Tendências de mercado;

➔ Possibilidades de investimento.

● Ameaças: são as situações e características do mercado que têm influência negativa sobre a empresa e seus resultados. As ameaças podem ser:

➔ Catástrofes naturais;

➔ Novos e/ou maiores concorrentes;

➔ Escassez de mão de obra qualificada;

➔ Mudanças na legislação que afetam o segmento;

➔ Aumento do preço de insumos;

➔ Crise econômica;

➔ Mudanças nos hábitos de consumo do público-alvo.

Benefícios da análise SWOT

A SWOT traz diversos benefícios para o desenvolvimento de um negócio, como, por exemplo:

● Orienta um planejamento estratégico mais assertivo;

● Ajuda a definir prioridades de atuação;

● Traz insights para a resolução de problemas;

● Fornece uma visão geral do mercado e da empresa;

● Facilita a criação de um diferencial competitivo;

● Auxilia na exploração de novas oportunidade de mercado;

● Promove integração dos colaboradores;

● É uma ferramenta simples e que não demanda muitos recursos.

Como fazer análise SWOT

1. Crie a matriz e preencha com os fatores internos e externos

Identifique as forças, fraquezas, oportunidades e ameaças do seu negócio e organize todos os itens em uma matriz 2x2 (como na figura abaixo). A tabela vai ajudar na visualização das informações.

Nesse momento, é importante fazer um brainstorming com os colaboradores da empresa para que todos possam acrescentar seus pontos de vista e levantar dados relevantes.

Seja realista e evite listas muito extensas. O ideal é resumir as informações e organizá-las em forma de tópicos sucintos e em ordem de relevância.

Referência: https://rockcontent.com/br/wp-content/uploads/sites/2/2021/02/swot-1.png

2. Faça uma análise individual

Depois de elencar todos os fatores, analise, individualmente, cada um dos quatro quadrantes da matriz SWOT. Basicamente, é preciso entender:

● Como potencializar as forças;

● Como corrigir ou melhorar as fraquezas;

● Como aproveitar as oportunidades;

● Como minimizar as ameaças.

3. Combine as informações

Os fatores da matriz SWOT também influenciam uns aos outros. Portanto, além da análise individual, também deve-se combinar as informações para traçar melhores estratégias. Faça as seguintes perguntas:

● Quais forças podem ajudar a maximizar cada oportunidade?

● Quais fraquezas podem ser corrigidas para reduzir os impactos das ameaças?

● Quais forças podem ajudar a corrigir as fraquezas?

● Quais fraquezas atrapalham cada oportunidade?

4. Elabore um plano de ação

Após a análise individual e o cruzamento de informações, é hora de elaborar um plano de ação.

Os dados obtidos na análise SWOT vão te ajudar a entender quais problemas precisam ser resolvidos, quais ações devem ser priorizadas e quais estratégias serão implementadas na empresa.

Com esse planejamento, é possível tirar as ideias do papel e executá-las com mais segurança. Lembre-se de que o plano de ação deve conter metas reais, tangíveis e mensuráveis.

5. Acompanhe os resultados

De nada adianta esse trabalho sem o acompanhamento dos resultados, não é?

Por isso, não deixe de ter métricas e indicadores de performance para compreender como as ações implementadas a partir da matriz SWOT estão impactando o seu negócio.

A análise SWOT é uma ferramenta poderosa e pode ser utilizada em empresas de todos os tamanhos e segmentos. Além de simples, a técnica tem resultados rápidos e efetivos para a gestão.

Aproveite as dicas e não deixe de envolver seus parceiros e colaboradores nesse processo!

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.