Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Renda Extra
Publicidade

Preço de brinquedo varia mais de 200%, mostra pesquisa do Procon

O mesmo produto, em lojas online, tem diferença de até 200%; em lojas físicas, a variação é de até 186%

Renda Extra|Do R7


Preço de mesmo brinquedo chega a dobrar, mostra pesquisa
Preço de mesmo brinquedo chega a dobrar, mostra pesquisa

O Procon-SP encontrou uma diferença de mais de 200% no preço de um mesmo brinquedo em uma pesquisa feita em lojas online. Já o levantamento realizado em lojas físicas de cidades do interior e do litoral de São Paulo aponta variações de até 186%.

A verificação comparativa de preços de brinquedos tem como objetivo oferecer uma referência aos consumidores e reforçar a recomendação de pesquisar preço e qualidade antes e comprar.

No levantamento feito em sites, que serve como referência para os consumidores da capital paulista, a maior variação, de 235,82%, foi no preço do jogo Cai Não Cai, da Estrela; enquanto em um site o item foi encontrado por R$ 119,99, em outro estava R$ 35,73, uma diferença de R$ 84,26.

Na verificação feita pelos núcleos regionais em lojas físicas de cidades do interior e do litoral, a maior variação encontrada foi em São José do Rio Preto. O boneco Luccas Neto, linha Youtubers (27 cm), do fabricante Rosita Novabrink, custava R$ 199,99 em um local e R$ 69,99 em outro, uma diferença de 185,74%.

Publicidade

Veja os relatórios completosaqui:sites, Araçatuba, Bauru, Campinas, Jundiaí, Marília, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos e São Vicente, São José do Rio Preto, São José dos CamposeSorocaba.

Os cuidados na hora de comprar brinquedo

Na hora de comprar brinquedo para o Dia das Crianças, o Procon-SP orienta que se observe se o produto é adequado a quem se destina (faixa etária) e se ele é certificado pelo Inmetro, pois indica que foi fabricado e comercializado de acordo com normas técnicas que visam garantir a segurança. 

Publicidade

Os especialistas do órgão de defesa paulista também recomendam que, ao escolher um brinquedo e realizar a compra online, o consumidor: 

• defina o produto que pretende adquirir, observando suas características e, sempre que possível, o código de referência do fabricante, para ter certeza de que o produto que está na oferta é exatamente o que pretende comprar; 

Publicidade

• pesquise os preços levando em consideração a forma de pagamento pretendida, porque, dependendo da modalidade (boleto, cartão de crédito, cartão da loja ou Pix), o valor pode variar em decorrência de descontos ou juros no parcelamento; também é importante considerar o valor que será cobrado pelo frete; 

• verifique se o site apresenta informações adequadas, claras e em língua portuguesa sobre as características, qualidades, quantidade, origem, composição, preço e garantia do brinquedo; 

• observe a política de troca. É importante ressaltar que, nas comercializações via internet, o consumidor tem o direito de se arrepender e cancelar a compra em até sete dias após a aquisição ou após o recebimento do produto; 

• antes de finalizar a compra e fornecer qualquer dado pessoal, verifique se o site é seguro, observando se na barra de endereço há um símbolo no formato de “cadeado”, entre outras indicações, e se o site informa CNPJ, endereço físico e telefone para contato; e também se certifique de que o endereço de entrega está correto e se o preço e as condições de pagamento foram os mesmos anunciados, assim como o prazo de entrega, entre outros detalhes.

Fonte: Procon-SP

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.