Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Menina de 5 anos morre baleada após ação da PM no Rio

Eloah brincava em casa quando foi atingida por disparo. Secretaria diz que agentes não entraram em comunidade durante operação

Rio de Janeiro|Do R7, com informações da Record TV


Eloah, menina de 5 anos que morreu no Rio
Eloah, menina de 5 anos que morreu no Rio

Uma menina e um adolescente morreram baleados na Ilha do Governador, na zona norte do Rio de Janeiro, na manhã deste sábado (12). Moradores culpam a Polícia Militar pelas mortes, já que os agentes faziam uma operação na região. 

Protestos são realizados desde a manhã — foram feitas barricadas e um ônibus foi incendiado.

A Polícia Militar afirma que um jovem de 17 anos atirou contra agentes após uma abordagem na avenida Paranapuã, próximo a uma comunidade. Os policiais revidaram e mataram o suspeito.

Já a menina Eloah Passos foi baleada dentro de casa, no interior da comunidade, onde não havia a presença de PMs, segundo a corporação.

Publicidade

De acordo com familiares, a menina estava brincando quando foi atingida. Ela foi levada ao Hospital Evandro Freire, mas não resistiu aos ferimentos.

A Secretaria de Estado da Polícia Militar informou que instaurou um procedimento apuratório para averiguar a conjuntura das ações. As imagens das câmeras corporais dos policiais serão disponibilizadas para auxiliar nas investigações, segundo a secretaria.

Publicidade

Início da ação

Ônibus incendiado na Ilha do Governador, no Rio
Ônibus incendiado na Ilha do Governador, no Rio

A pasta informou que uma equipe do 17º batalhão da PM tentou abordar uma dupla que estava em uma motocicleta, já que um dos suspeitos portava uma pistola. O indivíduo, identificado como Wendel Eduardo, de 17 anos, teria disparado contra os policiais, que reagiram.

O condutor da motocicleta foi levado ao 37º DP (Distrito Policial) para prestar esclarecimentos.

A família de Wendel contesta a versão dos policiais, afirmando que o jovem não teria ligação com o crime organizado.

* Colaborou Daiana Fernandes, da Record TV

Golpe do amor, do Pix e da fruta: veja crimes frequentes

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.