Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Após duas semanas da tragédia no litoral norte de SP, rodovia Mogi-Bertioga é liberada completamente

Obras emergenciais foram iniciadas em 21 de fevereiro, com previsão de investimento de R$ 9,4 milhões

São Paulo|Do R7


Rodovia Mogi-Bertioga foi liberada às 17h30
Rodovia Mogi-Bertioga foi liberada às 17h30

Duas semanas depois da tragédia que deixou 65 mortos no litoral norte de São Paulo, na tarde desta terça-feira (7) a rodovia Mogi-Bertioga, na altura do km 82, em Biritiba Mirim, foi totalmente liberada para o tráfego de carros. A via foi atingida por um deslizamento de terra durante as fortes chuvas no Carnaval, que provocou erosão e o rompimento de tubulações.

As obras emergenciais foram iniciadas em 21 de fevereiro, com previsão de investimento de R$ 9,4 milhões em até seis meses. De acordo com o Governo de São Paulo, os serviços emergenciais incluem melhorias das galerias pluviais existentes, a implantação de um novo sistema de drenagem, a construção de um muro de arrimo e o reforço do muro existente.

Leia também

A liberação do tráfego acontece cerca de um mês e meio antes do previsto anteriormente, em razão da recuperação do pavimento danificado. Os trabalhos continuam, segundo a gestão estadual, para concluir a construção do muro de contenção e a limpeza de detritos.

Identificação das vítimas

Até a manhã desta terça-feira, 65 óbitos foram confirmados, sendo 64 em São Sebastião e um em Ubatuba. Já foram identificados e liberados para o sepultamento 57 corpos. São 21 homens adultos, 17 mulheres adultas e 19 crianças.

A Defesa Civil também informou que concluiu o encaminhamento de 1.081 desabrigados para pousadas e hotéis da região — 838 adultos e 91 crianças.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.