Brasil Atentado mata índios Guajajara e deixa feridos no Maranhão

Atentado mata índios Guajajara e deixa feridos no Maranhão

Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular do Maranhão confirmou duas mortes e dois índios feridos, que foram levados ao hospital

Índio ferido em atentado na rodovia

Índio ferido em atentado na rodovia

Reprodução/Instagram

A Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular do Maranhão informou neste sábado (7), no Twitter, que está acompanhando, com a Secretaria de Segurança Pública e representantes da Fundação Nacional do Índio (Funai), o atentado contra lideranças indígenas Guajajara, ocorrido na BR-226, entre as aldeias Boa Vista e El Betel.

Leia mais: Manifestantes protestam morte de moradora vítima de bala perdida no Rio

Até agora, de acordo com a secretaria, duas mortes foram confirmadas. Dois índios ficaram feridos. A secretaria informou ainda que os feridos foram encaminhados ao hospital, com o apoio do Distrito Sanitário Especial do Maranhão.

O governo do Maranhão comunicou o caso à Polícia Federal e pediu providências. Uma equipe da Secretaria dos Direitos Humanos já está a caminho de Jenipapo dos Vieiras, município onde ocorreu o atentado.

Veja também: "Comecei a sangrar e PM mandou sair correndo", diz ferida em baile

A Secretaria de Seguranças e as polícias Civil e Militar também atuam no caso.