Senado vai votar lei para combater fake news, diz Alcolumbre

Senado quer analisar na semana que vem projeto para criar a Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, quer lei que combata o avanço de fake news

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, quer lei que combata o avanço de fake news

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre, afirmou nesta quarta-feira (27) em uma rede social que vai colocar em votação na próxima semana um projeto de lei para combater o avanço das fake news.

Leia mais: "Quem propagar discurso de ódio será responsabilizado", diz Moraes

"As notícias falsas não minam apenas as instituições, os políticos ou as celebridades. Elas contaminam a sociedade como um todo, ofendem qualquer cidadão, distorcem qualquer fato e comprometem a liberdade de expressão, que é o princípio básico  da democracia", escreveu Alcolumbre no twitter.

O projeto de lei que será apreciado pelo Senado será o PL 2630/2020, de autoria do senador sergipano Alessandro Vieira (Cidadania), que cria a  Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência.

Segundo o presidente do Senado, a votação do texto do projeto de lei é "fortalecer a democracia por meio do combate a informações falsas. Por isto, barrar as fake news é um serviço em prol da liberdade, da boa informação e da verdade. Aqueles que espalham fake news devem ser punidos com os rigores da lei".