Brasil Unicef lança campanha para comemorar 25 anos do ECA

Unicef lança campanha para comemorar 25 anos do ECA

Objetivo é mostrar que ainda existem milhões crianças que tem seus direitos violados

"E se fosse o seu filho?", é com essa pergunta que a Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) inicia o vídeo da campanha "#aindadatempo" em comemoração aos 25 anos do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

O objetivo da campanha é mobilizar os brasileiros a transformar a realidade de crianças que ainda sofrem violações de direitos no Brasil e no mundo.

A Unicef montou um estande com nome fictício em uma grande feira de intercâmbio no mês passado, em São Paulo. Durante o vídeo, atores ofereciam um programa de intercâmbio com experiências impensáveis para seus filhos, como passar alguns dias em um campo de refugiados, executar trabalhos pesados ou até mesmo lutar em uma guerra civil com armas de verdade. Situações que, infelizmente, são vividas diariamente por milhões de crianças e adolescentes no mundo inteiro, inclusive no Brasil.

Leia mais noticias de Brasil e Política

— Neste exato momento, milhões de crianças no Brasil e no mundo estão tendo seus direitos violados. O objetivo da campanha é chamar a atenção para essa realidade, fazendo com que os pais, ao imaginar seus filhos nessas situações, se conectem com a gravidade do problema — explica Edith Asibey, chefe de Comunicação e Parcerias do UNICEF Brasil.

A cara dos pais ao ouvirem sobre o programa é de espanto e indignação, alguns disseram que jamais deixariam seus filhos participarem de um intercâmbio desse tipo. Ao descobrirem que se tratava de uma ação da Unicef, muitos deles ficaram emocionados e revoltados com as condições de vida dessas crianças.

— Nós, do UNICEF, estamos convencidos de que ainda dá tempo de garantir os direitos de todas as crianças e adolescentes, sem exceção — afirma Edith.
 
A campanha é lançada às vésperas do dia 12 de outubro, Dia das Crianças. A data também marca os 25 anos de vigência do Estatuto da Criança e do Adolescente.

R7 Play: assista à Record onde e quando quiser

Veja o vídeo da campanha:

Últimas