Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Brasília
Publicidade

Tendas da dengue no DF atenderam mais de 50 mil pessoas desde abril

382 pessoas morreram por causa da doença desde o começo do ano

Brasília|Do R7, em Brasília

DF tem maior taxa de incidência de dengue (Arquivo/Agência Brasil - Arquivo/Arquivo/Agência Brasil - Arquivo)

As 11 tendas de acolhimento montadas para acolher pacientes infectados com dengue atenderam mais de 50 mil pessoas desde que foram instaladas em abril. Isso equivale a uma média de 4.552 pacientes por tenda. Foram 33.049 adultos e 17.025 crianças no total. Além disso, foram 52.135 exames, além de 21.275 hidratações e 554 transferências.

LEIA TAMBÉM

As unidades estão distribuídas próximas de hospitais, UPAs (unidades de pronto atendimento) e UBSs (unidades básicas de saúde) para tentar desafogar o SUS. As tendas funcionam visam facilitar o acesso da população a exames e consultas e funcionam todos os dias da semana.

Dengue no DF

A Secretaria de Saúde informa que 382 pessoas morreram no DF por causa da dengue desde o começo do ano. Outros 27 óbitos suspeitos estão sendo investigados. O Distrito Federal tem 263.700 casos prováveis da doença, 1.242,2% a mais do que no último ano.

Segundo dados do Ministério da Saúde, o Distrito Federal é a unidade da federação com maior taxa de incidência da doença, com 9.285,2 casos por 100 mil habitantes. Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Goiás aparecem em seguida, somando 54% do número absoluto de casos.

O Brasil já bateu os recordes de números de casos prováveis e de mortes registrados pela doença na série histórica. O número mais alto de mortes era de 2023, com 1.179 registros. Já o ano com o maior número de casos era 2015, com 1.688.688.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.