Folha Vitória Com bebê no colo, homem é esfaqueado durante briga com a companheira em Vitória

Com bebê no colo, homem é esfaqueado durante briga com a companheira em Vitória

A irmã da vítima contou que o relacionamento é problemático, principalmente quando os dois fazem uso de álcool e drogas

Folha Vitória
Foto: Reprodução
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um homem de 51 anos foi esfaqueado no peito durante uma discussão com a companheira. Ele estava com a filha da mulher no colo quando foi ferido. O caso aconteceu na noite desta quarta-feira (16) na casa da suspeita, no bairro Grande Vitória, na Capital.

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas pelo WhatsApp? Clique aqui e participe do nosso grupo de notícias!

A mulher contou para os policiais que os dois estavam discutindo quando ela teria sido ameaçada pelo companheiro. Para se defender, a mulher acabou esfaqueando o homem.

Testemunhas contaram que o rapaz estava com uma bebê no colo, filha da mulher, quando foi ferido. A vítima saiu na rua e os vizinhos pegaram a criança no colo. O homem acabou caindo no calçada. Ele foi socorrido em uma ambulância para um hospital de Vitória. 

LEIA TAMBÉM: Remédios falsificados: PF e Anvisa cumprem mandados no ES

A faca atingiu o pulmão do homem e, por isso, ele continua internado. A família dele só foi informada sobre o ocorrido na manhã desta quinta-feira (17). A irmã contou que o casal não morava junto, mas se relaciona há muitos anos. 

O relacionamento, segundo ela, é problemático, principalmente quando os dois fazem uso de álcool e drogas. Na última semana, a polícia precisou ser acionada após uma briga.

LEIA TAMBÉM: Dono de ferro-velho e mais dois homens são presos ao furtar trilhos de linha férrea em Viana

A mulher teria ficado em estado de choque após esfaquear o companheiro e também precisou ser levada para o hospital. Após receber alta, a suspeita foi encaminhada a delegacia. 

A Polícia Civil informou que, como não houve representação criminal, os conduzidos à Delegacia Regional de Vitória foram ouvidos e liberados.

*Com informações da repórter Rafaela Freitas, da TV Vitória/Record TV.

Últimas