Folha Vitória O que fazer ou não em caso de queimaduras e feridas na pele

O que fazer ou não em caso de queimaduras e feridas na pele

Muitas são as soluções caseiras indicadas erroneamente para melhorar a dor de uma queimadura ou para interromper o sangramento de uma lesão

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Você sabia que a pele é o maior órgão do corpo humano? Isso mesmo, ela é considerada um órgão e é um dos mais importantes do corpo humano, tendo diversas funções importantes para o organismo, sendo a principal nos proteger de agressões externas.

Outras funções são impedir a perda excessiva de líquidos, manutenção da temperatura corporal, síntese de vitamina D e percepção dos estímulos sensoriais (como toque, dor, calor, etc).

Essa proteção vem da organização e estrutura da pele, em especial das duas primeiras camadas, a epiderme (a mais externa) e a derme.

As lesões - ou feridas - são, justamente, danos de diferentes tipos e origens, como doenças e acidentes, que danificam a integridade da pele e outros tecidos. Quando isso acontece, as células no local da lesão morrem e diferentes substâncias são liberadas no local, promovendo uma série de reações químicas e biológicas e também resultando na liberação de restos de células e fragmentos de proteínas que juntos são chamados de tecido desvitalizado.

O que NÃO fazer 

Passar manteiga, pó de café, açúcar ou creme dental... Muitas são as soluções caseiras indicadas erroneamente para melhorar a dor de uma queimadura ou para interromper o sangramento de uma lesão.

Além disso, soma-se à lista de atitudes para não adotar em caso de feridas e queimaduras: tocar no machucado com as mãos sujas, furar as bolhas de uma queimadura, descolar tecidos que estão grudados na queimadura e tentar retirar corpos estranhos do ferimento.

Como agir em casos de queimaduras e feridas

Quando uma ferida não é profunda e também não é extensa, como em casos de arranhões e demais machucados que não deixam as camadas mais profundas da pele expostas, a primeira recomendação é higienizar a região com água e sabão para eliminar corpos estranhos, substâncias e qualquer microrganismo que possam ficar no local da lesão e causar uma maior irritação ou infecção.

Últimas