Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Suspeito de sequestrar bancária é acusado de homicídios e extorsão no ES

Segundo a Polícia Civil, o homem identificado como Derick de Oliveira, responde por vários assassinatos, extorsão com privação de liberdade...

Folha Vitória|

Folha Vitória
Folha Vitória Folha Vitória

O homem de 25 anos, suspeito de sequestrar uma bancária no bairro Praia da Costa em Vila Velha, também responde por vários homicídios, extorsão com privação de liberdade e roubos de veículo. Segundo a Polícia Civil, identificado como Derick de Oliveira Pereira, foi preso no último dia 10, no estado da Bahia.

Em coletiva realizada na tarde desta quarta-feira (17), um dos crimes, registrado no dia 2 de março, na Praia da Costa, em Vila Velha foi flagrado por câmeras de segurança. Na ocasião, uma bancária de 40 anos foi rendida no momento que saia do trabalho. Veja o vídeo: 

>> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas? Participe da nossa comunidade no WhatsApp ou entre no nosso canal do Telegram!

Segundo o delegado titular do 6º Distrito de Polícia de Vila Velha, Guilherme Eugênio, o homem entrou no carro da vítima assim que ela destravou o veículo. 

Publicidade

"Ele teve que dirigir até a Serra, no trajeto ele pegou o celular e verificou o saldo bancário. Também determinou que ela parasse em uma agência de Vitória e a obrigou a sacar R$ 3000", descreveu.

Após uma semana, segundo a Policia Civil, o criminoso voltou a agir, dessa vez na Avenida Carlos Martins, em Jardim Camburi. A vítima foi uma empresária de 62 anos.

Publicidade

"O caso aconteceu na rua principal do bairro, por volta das 17h. Ele rendeu empresária de 62 anos, obrigou ela a ir até Terminal de Carapina, localizado na Serra. Durante trajeto, o criminoso determinou que ela realizasse um Pix de R$ 10.000", descreveu o delegado titular do 5º Distrito de Polícia de Vitória, Fabiano Rosa.

Segundo o delegado Fabiano, a Polícia chegou até o acusado por meio do pix realizado durante o sequestro. "Perseguimos o dinheiro, identificamos a conta e a beneficiária também o reconheceu. Com isso pedimos a prisão", ressaltou. 

Publicidade

>> Jovem é agredida e ex faz chantagem para não ser denunciado em Vila Velha

A partir da troca de informações, a Polícia Civil conseguiu chegar até o acusado, que estava escondido no estado da Bahia. A identificação foi realizada por meio de imagens divulgadas pela mídia. "Constatamos que ele usou a mesma calça, o mesmo sapato e agia da mesma forma. A partir disso, localizamos ele", ressaltou. 

Além disso, durante o interrogatório, o delegado da Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Viana, Demétrius Vilar, destacou que o acusado escolhia vítimas de bairros nobres de Grande Vitória. Ele também confessou um homicídio que aconteceu em janeiro de 2022, em Viana.

"A vítima era Wilson Pedroni, ele foi espancado por conta de uma dívida. Após uma semana o corpo dele foi encontrado ocultado escondido em algumas folhas de bananeira. O Derick é o principal suspeito", descreveu.

O suspeito foi encaminhado para o Centro de Triagem de Viana. Com a ação, a Polícia solicita que, caso a ´população tenha sido vítima do homem, procure a Polícia Civil e liguem para o 181.

*Com informações da repórter Gabriela Valdetaro, da TV Vitória/Record TV 

LEIA TAMBÉM: Jovem morta em Vitória: advogada diz que namorado assumiu autoria do crime

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.