Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Cenoura sofre a maior alta em fevereiro, mostra prévia da inflação

Veja quais alimentos mais encareceram nos 15 primeiros dias do mês

Economia|Johnny Negreiros, do R7*


Alimentos e bebidas representaram 0,08 pontos percentuais na prévia da inflação de fevereiros.
Alimentos e bebidas representaram 0,08 pontos percentuais na prévia da inflação de fevereiros.

A cenoura ficou 24,25% mais cara nos 15 primeiros dias de fevereiro. Os dados do IPCA-15 (Índice de Preço ao Consumidor Amplo), considerado a prévia da inflação no mês, foram divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) na manhã desta sexta-feira (24).

O setor de alimentos e bebidas, como um todo, teve variação positiva de 0,39%. Assim, ficando abaixo do resultado de janeiro, que foi de 0,55%.

No entanto, isso não impediu que certas comidas não sofressem alta significativa. Além da cenoura, as hortaliças e verduras subiram 8,7% mais caras e o leite longa vida aumentou 3,6%. Completando o topo da lista, o arroz ficou 2,75% e o preço das frutas expandiu 2,3%.

Por outro lado, os alimentos em queda tiveram quatro destaques. A cebola despencou 19%, o tomate caiu 4,5% e o frango em pedaços teve baixa de 2%. Por fim, as carnes tiveram leve queda de 0,8%.

Publicidade

Prévia da inflação

O IPCA-15 de fevereiro apontou alta de 0,76% nos preços do Brasil. O índice levanta a inflação que ocorre nos primeiros 15 dias do mês.

A educação foi o ramo que mais subiu durante o período, com aumento de 6,4%. O setor representou 0,36 pontos percentuais no IPCA-15.

Publicidade

Por sua vez, alimentos e bebidas foram responsáveis por 0,08 pontos percentuais do indicador deste mês.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Mariana Botta.

Leia também

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.