Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Dirigente do Fed afirma que inflação não atingirá meta de 2% até 2026 nos EUA

A presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Cleveland, Loretta Mester, afirmou nesta sexta-feira, 14,...

Economia|Do R7


A presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Cleveland, Loretta Mester, afirmou nesta sexta-feira, 14, que a inflação nos Estados Unidos não deve atingir a meta de 2% até 2026. Durante entrevista à Bloomberg, ela comentou que as empresas têm relatado menor poder de compra, mas ainda possuem algum.

Com direito a voto nas decisões de política monetária neste ano, mas prestes a deixar o Fed no fim deste mês, Mester comentou que a economia ainda parece estar "em posição sólida".

Ela garantiu que o Fed pretende atingir seus mandatos de máximo emprego e inflação na meta de 2% mantendo um mercado de trabalho igualmente "sólido".

Questionada sobre se pode haver mudança nos juros já na próxima reunião ou apenas em setembro, ela garantiu que em todos os encontros de política monetária do Fed pode haver mudança nos juros, dependendo basicamente dos dados divulgados até a reunião.

Segundo a dirigente, as pesquisas do Fed de Cleveland sugerem que "demorará um pouco" para a inflação recuar à meta de 2%, mas ela cairá.

Mester também comentou que questões de política não entram na pauta das reuniões do Fed, ao ser perguntada sobre eventual influência da corrida eleitoral para o BC norte-americano.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.