Educação Estado de SP tem 60% dos alunos de volta à aulas presenciais

Estado de SP tem 60% dos alunos de volta à aulas presenciais

Na capital, retorno dos estudantes, que não é compulsório, chega a 64%.  Obrigatoriedade é de cumprir carga horária pré-definida

  • Educação | Laura Augusta*, da Agência Record

Imagem de Alexandra_Koch por Pixabay

Pelo menos 60% dos estudantes da rede estadual e 64% da municipal retornaram às aulas presenciais no segundo semestre de 2021, de acordo com as secretarias de Educação do Estado e do Município de São Paulo.

A pasta estadual informou, por telefone, que 60% dos estudantes da rede estão atendendo ao ensino presencialmente, enquanto 56% assistem às aulas remotas.

Segundo o governo do estado, até o dia 19 de agosto, as porcentagens acabam ultrapassando os 100%, pois alguns alunos ainda estão seguindo um modelo híbrido e escalonado, com os estudantes se revezando entre os dias que vão na escola e os dias em que assistem às aulas virtualmente.

Na capital 64% dos alunos estão assistindo às aulas presencialmente, enquanto os outros 34% ainda estão no modelo virtual de ensino. Os dados são relativos à última semana (entre os dias 16 e 20 de agosto).

A secretaria municipal afirma ainda que o retorno presencial não é obrigatório. Mesmo os estudantes que estão indo para as escolas podem a qualquer momento optar por assistir às aulas via internet. É necessário apenas cumprir obrigatoriamente a carga horária pré-definida.

Os professores das escolas da rede estadual e municipal devem estar imunizados, há 14 dias, com as duas doses da vacina, ou com a dose única da farmáceutica Janssen, para poderem retornar às salas. A faixa etária dos alunos, de 12 a 15 anos, começou a ser vacinada nesta segunda-feira (23), na capital, a partir daqueles que possuem alguma comorbidade, além das gestantes e puérperas.

*Estagiária sob supervisão de Letícia Dauer

Últimas