Educação Saresp: em matemática, aluno conclui ensino médio com conhecimento do 7º ano

Saresp: em matemática, aluno conclui ensino médio com conhecimento do 7º ano

Aqueles que concluíram o 5º ano estão com a mesma habilidade esperada de um estudante do 2º ano do ensino fundamental

  • Educação | Do R7

Crianças chegam para aulas presenciais na Escola Estadual Terezine Arantes Ferraz Bibliotecaria, em SP

Crianças chegam para aulas presenciais na Escola Estadual Terezine Arantes Ferraz Bibliotecaria, em SP

Rovena Rosa/Agência Brasil - 15.09.2021

A Seduc (Secretaria de Educação do Estado de São Paulo) divulgou nesta quarta-feira (2) o resultado do Saresp (Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo) de 2021, dados que refletem o conhecimento dos estudantes em português, matemática e ciências da natureza.

No entanto, os resultados da avaliação de ciências da natureza não foram divulgados pela secretaria sob o argumento de que a última avaliação foi feita em 2014 e com o currículo anterior, o que não permite comparação.

De acordo com os dados do Saresp, em matemática, o aluno do 5º ano está com a mesma proficiência esperada de um estudante do 2º ano do ensino fundamental. Já o aluno da última série do ensino médio saiu da escola com defasagem de quase seis anos.

A avaliação não foi muito diferente em língua portuguesa: o aluno do 5º ano está com a mesma proficiência de um estudante do 3º ano do ensino fundamental. Já o aluno da 3ª série do ensino médio saiu da escola com a proficiência adequada ao estudante do 8º ano.

Os estudantes sentiram o impacto da pandemia de Covid-19. Todos os ciclos apresentaram queda em comparação à última prova realizada em 2019 e na série histórica. 

Pelos dados do Saresp, é possível notar que em português a variação negativa da 3ª série do ensino médio em comparação aos números de 2019 foi de 4,1%, saindo de 274,5 para 263,1, o mesmo cenário obtido em 2013. Na prática, quatro em cada dez estudantes apresentaram conhecimentos “abaixo do básico”. Em matemática, o recuo ficou em 4,4%, de 276,6 para 264,2 — o pior índice em 11 anos, com 58,7% abaixo do nível básico.

O impacto maior foi sentido pelos alunos do 5º ano do ensino fundamental: eles tiveram um recuo de 8,5% — 216,8 para 198,2 — em língua portuguesa e 9,1% — 231,3 para 210,2 — em matemática, resultados semelhantes aos de 2012 e 2013, respectivamente.

O Saresp foi aplicado aos estudantes da rede estadual de ensino. As provas foram aplicadas em dezembro do ano passado para mais de 642 mil alunos do 5º e 9º anos do ensino fundamental e 3ª série do ensino médio.

Últimas