Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Unicamp 2023: termina hoje prazo de inscrição; veja as principais mudanças na prova e nas datas

Taxa do vestibular tradicional é de R$ 192, e da seleção via Enem, de R$ 30; especialista fala sobre características do exame

Educação|Vivian Masutti, do R7

Candidatos na primeira fase do vestibular da Unicamp
Candidatos na primeira fase do vestibular da Unicamp Candidatos na primeira fase do vestibular da Unicamp

Termina hoje, quinta-feira, dia 31, o prazo para os estudantes se inscreverem no vestibular da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). É necessário entrar no site da Comvest, responsável pela prova, preencher o formulário de inscrição e pagar a taxa de R$ 192.

A primeira fase será realizada no dia 29 de outubro, e a segunda, pelo segundo ano consecutivo, em dezembro, nos dias 3 e 4.

Esta será a primeira vez em que todas as provas serão aplicadas antes do final do ano. A universidade prevê 2.540 vagas em 69 cursos, em Campinas, Limeira e Piracicaba.

"Os candidatos não devem deixar suas inscrições para o último momento. Imprevistos podem acontecer e prejudicar a conclusão do processo. É importante observar a data limite para pagamento da taxa e lembrar dos horários de compensação do sistema bancário", diz Sandro Vimer Valentini Jr., coordenador do Poliedro de Campinas.

Publicidade

· Compartilhe esta notícia no Whatsapp

· Compartilhe esta notícia no Telegram

Publicidade

"Guardar os comprovantes de inscrição e de pagamento pode servir como respaldo para eventuais problemas."

O percentual de estudantes oriundos da rede pública aumentou de 45,7% (1.586 alunos) em 2022 para 49,5% em 2023, com 1.681 matriculados de um total de 3.395 ingressantes.

Publicidade

A proporção de estudantes pretos e pardos também cresceu e ficou um pouco acima daquela registrada no ano anterior: foi de 29,3% para 30% do total de matriculados, com 1.019 alunos.

O que muda neste ano

O vestibular de 2024 da Unicamp terá algumas mudanças em relação aos anos anteriores. Em busca de equilibrar as áreas de ciências da natureza e ciências humanas, a primeira fase contará com seis questões de sociologia e filosofia, sendo três de cada disciplina.

O número de perguntas sobre biologia, física, química, história, geografia e inglês será reduzido de oito para sete em cada uma delas.

"Tanto a primeira fase quanto a segunda passaram por reorganizações neste ano. Ainda assim, uma característica que se manteve foi a proposta de questões interdisciplinares de ciências humanas e de ciências da natureza para todos os candidatos, independentemente da área de atuação escolhida. Outro ponto que se manteve é a elaboração de uma prova que apresenta como eixo estruturante a habilidade de leitura de diferentes textos e de inferência de informações", avalia o coordenador do cursinho.

Na segunda fase do vestibular, os candidatos dos cursos de humanas/artes e de biológicas/saúde terão menos questões de matemática, que caem de seis para quatro.

"A prova de matemática da Unicamp, assim como a da Fuvest, é muito focada em conteúdos do ensino médio, como o assunto das funções, que a aproxima do Enem", completa Ademar Celedônio, diretor de ensino e inovações educacionais do SAS Plataforma de Educação.

VEJA MAIS: a dois meses da 1ª fase da Unicamp, veja raio-x do que mais caiu em cada área da prova de 2009 a 2022

Para a área de humanas, serão acrescentadas duas questões de filosofia/sociologia e, para a de biológicas, duas perguntas de biologia.

"Desta forma, o vestibular da Unicamp mantém uma prova atualizada, com as mesmas características, abarcando todos os conteúdos básicos do ensino médio. Com as alterações, os estudantes se sentirão mais confortáveis com a avaliação de acordo com o perfil de carreira que escolherem no vestibular", afirma José Alves de Freitas Neto, diretor da Comvest.

Outra novidade é que todas as provas serão realizadas em 2023, diferentemente das edições anteriores, que se estendiam para o ano seguinte.

Neste ano a Comvest elaborou um documento que apresenta o conteúdo de todas as disciplinas diferenciado entre primeira e segunda fase.

Vagas via Enem

O ingresso por meio do Exame Nacional do Ensino Médio corresponderia a 20% do total de vagas abertas para 2024, ou seja, cerca de 640 vagas.

Neste ano, contudo, a Unicamp deve retirou 352 vagas que seriam preenchidas via Enem para dar aos alunos que prestarão o novo Provão Paulista. Clique aqui e veja quais são.

Agora, o Enem-Unicamp vai selecionar candidatos para 319 oportunidades.

Alunos indígenas brasileiros que cursaram escolas públicas terão direito a 130 vagas, com inscrições que começam em novembro. O mesmo número irá para candidatos que conquistarem medalhas ou tiverem um bom desempenho em competições de conhecimento do ensino médio.

Cronograma

- Incrições: de 31/7 a 31/8

- Aplicação da primeira fase da prova: 29/10

- Aplicação das provas de habilidades específicas para o curso de música: setembro e outubro

- Aplicação da segunda fase da prova: 3 e 4/12

- Aplicação das provas de habilidades específicas para arquitetura e urbanismo, artes cênicas, artes visuais e dança: de 7 a 9/12

VEJA MAIS: A 100 dias do Enem, especialistas fazem raio-x do que mais caiu em cada área da prova de 2009 a 2022

.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.